Eclipse total da lua

13/06/2011 19:42

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação/Acervo do Observatório
None (foto: Divulgação/Acervo do Observatório)

Nesta quarta feira, 15 de junho, das 17h às 20h, o Observatório Astronômico Frei Rosário da UFMG, que fica na Serra da Piedade, estará aberto ao público, no momento em que haverá um eclipse total da lua, visível a partir de Minas Gerais.

Embora o evento seja aberto ao público, escolas ou grandes grupos de visitantes devem comunicar a ida com antecedência, pelo telefone (31) 3409-5679.

Segundo o coordenador do Grupo de Astronomia da UFMG, professor Renato Las Casas, a programação inclui aulas multimídia, laboratório interativo, observações da lua e de saturno, “e o que mais for do interesse do visitante”.

Com relação ao evento desta semana, Las Casas explica que se trata de um eclipse lunar total, cujo início não será visto do território brasileiro. “A Lua nascerá para nós quando mais da metade do eclipse já tiver ocorrido. Se por um lado, perderemos grande parte do espetáculo, por outro isso nos permitirá ver o eclipse com a Lua bem próxima à linha do horizonte. A ilusão que temos que a Lua é maior quando a vemos próxima ao horizonte será um fator que contribuirá para aumentar a beleza do fenômeno”, diz.

 

Entenda o eclipse:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Quando a Lua está parcialmente ou totalmente na região de penumbra, dizemos que temos um ECLIPSE PENUMBRAL; quando está parcialmente na região de sombra (daqui da Terra vemos o disco lunar "faltando um pedaço") dizemos que temos um ECLIPSE PARCIAL e quando está totalmente imersa na região de sombra, dizemos que temos um ECLIPSE TOTAL.

 

Mais informações no endereço www.observatorio.ufmg.br ou pelo telefone (31) 3409-5679.

Últimas notícias

Comentários