Boxe é coisa de mulher

14/07/2011 08:42

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
None (foto: Divulgação)

Um esporte que até então era associado apenas aos homens está se tornando uma nova modalidade de ginástica ou malhação para as mulheres. No Brasil, artistas como Gisele Itié, Giovanna Antonelli, Nívea Stelmann e Sandy reforçam a tendência feminina desse esporte. Em Belo Horizonte não é diferente. Segundo o sócio proprietário da academia Malhação, Sálvio Paulo de Almeida, a demanda por essa atividade física, tem crescido. “Temos uma turma de alunos formada por oito mulheres e apenas um homem”, comenta.

 

Segundo o preparador físico da academia, Sander Cotta, a procura pela atividade tem aumentado devido aos benefícios da prática: “A queima calórica é bem maior e os golpes praticados ajudam a modelar o corpo, melhoram o condicionamento físico e a coordenação motora, além de trabalhar todos os músculos do corpo, já que tanto os braços como as pernas estão em constante movimento. De quebra, por exigir movimentos rápidos e precisos, a modalidade estimula o reflexo e a percepção”.

 

E para quem não sabe, a aula de boxe envolve muito mais do que apenas troca de socos. Controle do fôlego, coordenação e tática são fundamentais para a prática do esporte. As aulas costumam durar até uma hora e podem ser mais intensas, para quem já tem um melhor condicionamento físico. O consumo médio de calorias é de 600 a 800 calorias. “Normalmente, começa com um aquecimento, que pode ser um polichinelo ou pulando corda. Depois vem o treino nos sacos, que trabalha o abdômen, costas, tríceps, coxas e glúteos”, explica Sander Cotta.

 

Um bom exemplo é a fonoaudióloga Karina Cardoso Gesualdi, que pratica boxe na Malhação há quase dois anos. “Comecei fazendo combat, depois optei pelo boxe por considerar uma prática esportiva dinâmica, divertida e que trabalha a força. Além disso, depois que tive meus filhos gêmeos essa atividade me ajudou a recuperar o condicionamento físico. É uma forma de liberar o estresse e manter a forma”, conta.

 

Alguns benefícios do boxe:

 

- Tonifica os músculos dos braços, ombros, costas, abdômen, coxas e panturrilha;

 

- Trabalha também o reflexo e a habilidade ágil;

 

- Alivia o stress;

 

- Trabalha exercícios de força, velocidade e resistência;

 

- Melhora o condicionamento físico

Últimas notícias

Comentários