Ovo de Colombo para carro elétrico

por Fábio Doyle 15/12/2011 09:56

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
None (foto: Divulgação)

O maior desafio na viabilização do carro elétrico está na durabilidade da bateria e na incapacidade de percorrer longas distâncias. Nos primeiros modelos de elétricos vendidos nos EUA, por exemplo, as baterias estão perdendo a capacidade de recarga após poucos anos de uso. Isso preocupa e desestimula o consumidor. A empresa Better Place, de origem israelense, mas sediada nos Estados Unidos, anuncia que resolveu o problema com uma solução tipo ovo de Colombo.

 

 

 

Ao comprar o veículo, o consumidor adquire um pacote de serviços que minimizam os riscos relacionados ao carro e ampliam a capacidade de utilização. O modelo de negócio da Better Place oferece serviços que incluem a instalação de um sistema de carregamento na casa do usuário, de “tomadas” pelas cidades e de um sistema de trocas de baterias em postos instalados ao longo das estradas do país.

 

 

Bateria em comodato

 

O aspecto inovador da proposta é que o cliente compra o carro, mas a bateria é fornecida em comodato. Esse modelo difere do mais comum, no qual a bateria é vendida com o veículo, transferindo ao consumidor os riscos inerentes à peça. Com o comodato, a bateria pode ser trocada nos postos nas estradas. É como para em um posto para encher o tanque, só que no lugar do combustível, um mecanismo robótico troca em poucos segundos a bateria descarregada por outra carregada. A pendência fica na implantação de postos com estações de troca em número suficiente para permitir que os carros rodem com tranqüilidade, na certeza de que estará sempre próximo de um deles. O sistema Better Place já é realidade no Japão, Israel, Austrália e Dinamarca.
 

Últimas notícias

Comentários