O charmoso distrito de Macacos será revitalizado

São Sebastião das Águas Claras receberá obras de melhoria em sua infraestrutura. A região já atrai turistas, novos moradores e investidores

por Da redação com assessorias 21/03/2014 12:18

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Daniela Costa/Encontro
Além das belezas naturais, Macacos atrai pessoas em busca de um lugar tranquilo para morar (foto: Daniela Costa/Encontro)
O distrito de São Sebastião das Águas Claras, conhecido como Macacos, chama a atenção dos turistas pelas suas belas cachoeiras, atrativos naturais e o clima ameno da região, a apenas 25 km de Belo Horizonte. Segundo a secretaria municipal de Turismo de Nova Lima, aos finais de semana, Macacos é o destino certo dos que procuram diversão e tranquilidade.
 
O distrito foi descoberto no século XVIII pelo ouro da região, e hoje o turismo é sua principal atividade. Com ótimas opções de pousadas, São Sebastião das Águas Claras promete também ser referência para aqueles que desejam mais do que passar alguns dias. O distrito passará, nos próximos anos, por uma revitalização urbana, o que promete atrair ainda mais turistas e moradores. “Todos os investimentos vão impulsionar o crescimento de Macacos e deixar o distrito mais atraente. A região está sendo redescoberta pelo seu potencial de alto padrão e por estar muito próxima à capital mineira”, comenta Carlos Eduardo Battesini, diretor da Neo Urbanismo. Ele é um dos investidores que estão de olho no distrito. “O eixo da BR-040 está em crescimento, o que promete deixar a região ainda mais valorizada”, completa.

O projeto de revitalização da região é uma iniciativa do Instituto Kairós – organização não governamental que trabalha com ao desenvolvimento humano e o fortalecimento de políticas públicas –, aprovado em edital público que conta com recursos do da secretaria de estado do Desenvolvimento Social de Minas Gerais. Ele propõe tratamento paisagístico, urbanístico e ambiental para o arruamento principal do distrito, bem como a requalificação urbana de outras áreas estratégicas.

De acordo com o secretário de planejamento de Nova Lima, Gabriel Gobbi, serão gastos dois milhões de reais na revitalização. "Trata-se de um projeto que irá valorizar a vocação turística, gastronômica, de hospedagem e recursos naturais de Macacos e, consequentemente, proporcionar melhor qualidade de vida ao morador da região”. O dinheiro virá da secretaria de estado do Turismo de Minas Gerais.

O trecho histórico que começa na antiga igreja de São Sebastião, construída em 1718, e vai até a escola municipal Rubem Costa Lima, receberá uma nova pavimentação intertravada de concreto, com travessia elevada para melhor circulação dos pedestres e melhoria do acesso aos bares e restaurantes. A iluminação pública também será subterrânea, com objetivo de valorizar a arquitetura e o traçado urbano original.

Ainda de acordo com o secretário, outros nove espaços receberão abrigos de ônibus com bancos, além de pracinhas com lixeiras e outros equipamentos para uso da população. Para garantir a segurança dos visitantes e da comunidade, um circuito fechado de câmeras de vídeo vai monitorar as principais áreas do distrito. “O objetivo é dar à localidade de São Sebastião das Águas Claras parâmetros urbanos compatíveis com a importância ambiental, cultural e turística do município de Nova Lima”, completa Gobbi. Além disso, serão feitas intervenções no trânsito dos veículos.
 
Na visão do secretário, a revitalização vai estimular ainda mais a migração para Macacos, que já é grande. “Queremos alinhar os conceito de beleza e segurança, além de aproveitar todo o espaço urbano criando um traçado humanizado e mais aprazível", finaliza.

Últimas notícias

Comentários