As plantas também precisam de cuidados especiais no inverno

Com a chegada do tempo mais frio e seco do ano, saiba quais são as espécies mais resistentes às variações climáticas e quais cuidados devem ser tomados na nova estação

por Da redação com assessorias 19/06/2014 09:53

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
FreeDigitalPhotos.net
A begônia é muito recomendada para quem quer ter flores o ano inteiro (foto: FreeDigitalPhotos.net)
Apesar de vivermos num país tropical, em que os dias de inverno não são tão cinzentos quanto nos paises de clima temperado, todo cuidado é pouco para deixar o jardim vivo e colorido. É fundamental escolher as plantas ideais para a estação, com espécies resistentes às baixas temperaturas. Além disso, o substrato (terra) precisa garantir os nutrientes necessários para que as plantas possam continuar saudáveis e florindo.

Segundo Marcelo Muller, biólogo especializado em plantas, as flores boca-de-leão e a amor-perfeito são ideais para os dias com excesso de frio, e memom assim, não dispensam os cuidados indicados a todas as outras espécies: "Independentemente do clima, é importante corrigir o solo duas vezes por ano, especialmente antes da chegada do inverno, realizando adubação para que as plantas estejam fortalecidas".

A begônia, flor classificadas como perene, ou seja, possui um ciclo de vida permanente, é outra espécie indicada por se adaptar muito bem às variações climáticas. "Em caso de geada, frequentes em muitas cidades do sul de Minas Gerais, é importante evitar o contato direto das plantas com o gelo, se possível, mas a manutenção da adubação auxilia para que cheguem exuberantes à primavera", diz o especialista.

Por haver variações constantes de clima durante o outono e inverno, com presença do sol e até aumento na temperatura, é essencial regar o jardim duas vezes ao dia, sendo no começo da manhã e no final da tarde os períodos mais indicados. "É indicado prestar atenção na umidade da terra antes de molhá-la, pois o inverno também traz dias úmidos e a terra pode não estar muito seca", completa Marcelo Muller.

Últimas notícias

Comentários