Diego Maradona vem a BH para jogo entre Argentina e Irã e agradece torcida mineira

O grande craque argentino esteve na capital mineira no sábado (21/06) para acompanhar a segunda partida da seleção de seu país, que chegou a comandar no mundial de 2010

23/06/2014 10:21

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Junia Carvalho/Imprensa MG/Divulgação
Diego Maradona foi a grande atração do jogo da Argentina (foto: Junia Carvalho/Imprensa MG/Divulgação)
Na chegada ao Mineirão para acompanhar a partida entre Argentina e Irã, segundo jogo da equipe portenha, que pertence ao grupo F, o eterno craque argentino Diego Armando Maradona elogiou a arena e disse que "Minas Gerais merece um estádio moderno" como esse. Reinaugurado no começo do ano passado, o "gigante" da Pampulha foi o palco mais testado antes da Copa do Mundo. Ao todo, recebeu mais de 1,5 milhão de pessoas em jogos e shows.

Para Maradona, o estádio é excelente: "O estado tem tradição no futebol e merecia um campo moderno como este". Ele disse ainda que estava muito feliz em Belo Horizonte, e fez questão de agradecer os mineiros pelo carinho e respeito.

"Estou muito contente por está em Belo Horizonte. Agradeço toda gente de Minas Gerais que está me tratando com muito carinho e respeito. Realmente estou feliz em estar aqui, vendo a Argentina, graças a muita gente que fez com o acesso ao campo fosse bem mais simples do que no Maracanã", diz, prometendo voltar mais vezes ao nosso estado, terra natal de Pelé.

Maradona mandou um recado para os mineiros, agradecendo o tratamento que recebeu: "Para o povo de Minas um abraço grande e um agradecimento para todos porque me trataram muito bem".

Sobre futebol, Maradona avaliou que a seleção brasileira é uma das favoritas, apesar de não ter jogado muito bem no início da competição. "Brasil é um bom time que deve melhorar. Seguramente o Felipão sabe que a equipe não jogou boas partidas, mas isso se resolve jogo após jogo”, explica.

Craques

O Mineirão também recebeu outros craques latinoamericanos no jogo entre Argentina e Irã, como o goleiro da seleção argentina de 1990, Sergio Goycochea, o lateral Juan Pablo Sorin e o atacante colombiano Valderrama. Outro que marcou presença foi o argentino Juan Sebastián Verón, que integrou a seleção portenha nos mundiais de 1998 e 2002. Verón, que encerrou sua carreira na equipe argentina Estudiantes, conhecida dos mineiros por ter derrotado o Cruzeiro na final da Taça Libertadores da América de 2009.

(com Agência Minas)

Últimas notícias

Comentários