Tire suas dúvidas sobre a eleição 2014

Saiba como se comportar no dia das eleições, conheça o processo de votação e baixe o formulário de justificativa eleitoral

por Marcelo Fraga 30/09/2014 17:18

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas
Brasil passa por mais um processo eleitoral, serão escolhidos deputados, senadores, governadores e presidente (foto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas)

No dia 5 de outubro, o Brasil vive mais um dia de eleições. Desta vez, a população escolhe os candidatos  para os cargos de deputado estadual, deputado federal, senador, governador e presidente da república. Vale lembrar que para os dois últimos citados, pode haver segundo turno, que será no dia 26 do mesmo mês.

Tanto no primeiro, quanto no segundo turnos, o horário estabelecido para votação é das 8h às 17h. Portanto, todos devem se preparar para cumprir esses horários, uma vez que não há prorrogação. Próximo do encerramento o eleitor que estiver na fila da seção recebe uma senha numerada que garante seu direito ao voto.

Para votar, o eleitor deverá  saber quais são a zona e seção eleitoral em que ele está habilitado para votar, esses dados constam no título de eleitor. O documento, porém, não é de porte obrigatório. As informações sobre onde o eleitor vota, podem ser consultadas no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na hora da votação podem ser apresentados outros documentos oficiais com foto, como carteiras de identidade, trabalho, habilitação, ou passaporte, certificado de reservista e carteiras de órgãos profissionais reconhecidos por lei (Crea, OAB, CRM). Mesmo com o título eleitoral, a apresentação de um documento oficial é obrigatória.

A votação

Nessas eleições, a urna eletrônica vai exibir as telas de seleção dos candidatos na seguinte ordem: deputado estadual (5 dígitos), deputado federal (4 dígitos), senador (3 dígitos), governador (2 dígitos) e presidente (2 dígitos). A cada etapa da votação, o eleitor deve conferir o número, nome e foto do candidato na tela da urna e confirmar com a tecla verde. Ao final do processo, o comprovante de votação é entregue, ao eleitor, pelos mesários.

Justificativa

O eleitor que estiver fora da cidade onde vota pode se justificar, no dia da eleição, em qualquer seção eleitoral do país. O prazo para se justificar é de 60 dias, a partir da data do pleito. Neste caso, é necessário o preenchimento de um formulário, disponível nos locais de votação que também pode ser obtido, para download, por meio no site do TSE.

Conduta dos eleitores

Na cabine de votação é expressamente proibido uso de equipamentos eletrônicos, como câmeras, celulares e rádios, pois estes podem quebrar o sigilo do voto, que deve ser secreto. Os eleitores podem manifestar – dentro ou fora da seção eleitoral e desde que em silêncio - sua preferência de candidato, partido ou coligação, isso quer dizer que, é permitida a utilização de camisas, bandeiras, bonés e outros acessórios.

Conduta dos candidatos

Desde 48 horas antes, até 24 horas depois das eleições, é proibida qualquer propaganda política. Os candidatos, ou seus militantes, não podem utilizar carros de som, fazer distribuição de materiais como santinhos, adesivos e camisas. Comícios e veiculação de comerciais em rádio e TV também são proibidos.

 

Faça download e imprima a "colinha" para votação. Clique aqui

Últimas notícias

Comentários