STJD concede liminar ao Atlético, que passa a ter 10% do público na final

O presidente do órgão entendeu que o Cruzeiro não poderia restringir a venda de ingressos aos atleticanos, porque isso fere o regulamento da CBF

21/11/2014 18:06

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Renato Cobucci/Imprensa MG/Divulgação
Com a liminar do STJD, o Atlético Mineiro poderá ter 10% do público no último jogo da final da Copa do Brasil, na próxima quarta, dia 26 (foto: Renato Cobucci/Imprensa MG/Divulgação)
O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) Caio Rocha deferiu na tarde desta sexta, dia 21 de novembro, a medida inominada expedida pelo Atlético Mineiro. Na ação, o clube mineiro pleiteia 10% da carga de ingressos disponíveis para a final da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, na próxima quarta-feira, 26 de novembro, no Mineirão. O pedido foi deferido com urgência, observando o regulamento geral da competição.

Na liminar, o presidente do STJD analisou as provas apresentadas pelo clube e, de acordo com os documentos, o Cruzeiro disponibilizou 2.736 ingressos para o time visitante com preços de R$ 1 mil cada, sendo que, para a partida, serão comercializados cerca de 60 mil ingressos. "Ou seja, a carga destinada à torcida visitante está bem abaixo do que ela tem direito de adquirir", destaca Caio Rocha em seu despacho.

Tal prática fere o artigo 86 do regulamento da CBF que afirma "o clube visitante terá o direito de adquirir a quantidade máxima de ingressos correspondente a 10% da capacidade do estádio ou da capacidade permitida pelos órgãos de segurança, desde que se manifeste em até três dias úteis antes da realização da partida, através de ofício dirigido ao clube mandante".

Com a partida está agendada para o próximo dia 26, o prazo para o Galo se manifestar terminaria nesta sexta, dia 21. Desta forma, o presidente do STJD foi favorável ao Atlético. "Defiro a liminar requerida para que, em relação á final da Copa do Brasil, a ser realizada no dia 26/11/2014, o Cruzeiro, observados os termos do art. 86 do RGC/CBF, disponibilize á torcida do Atlético_MG uma carga de ingressos de até 10% da capacidade do estádio", diz a liminar do STJD.

(com assessoria do STJD)

Últimas notícias

Comentários