Como funcionam os semáforos em BH?

Tempo, sincronia e fluxo de carros são alguns dos pontos levados em conta pela BHTrans. Tentar manter o trânsito de uma metrópole fluindo corretamente é mais complicado do que se imagina

por Fernanda Nazaré 24/11/2014 17:01

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Heitor Antonio/Encontro Digital
O tempo em que o sinal verde fica aberto em BH depende de vários fatores, mas a média é de 100 a 120 segundos (foto: Heitor Antonio/Encontro Digital)
Quem nunca reclamou de ficar muito tempo parado em um semáforo? Mas, quando se está no lugar do pedestre, a coisa muda: eles não parecem ser bem mais rápidos? Essa impressão não é só uma questão de ponto de vista. Na verdade, o tempo do sinal pode variar durante o dia, dependendo do fluxo de carros.

Belo Horizonte possui 967 interseções semaforizadas. Para definir o tempo de um semáforo é levado em conta o número de veículos no local, as vias de maior fluxo e a quantidade de pedestres presentes na interseção, em períodos determinados do dia. Além disso, o cálculo ainda é feito com relação à capacidade (largura) das vias. Atualmente, existem laços físicos que realizam essa contagem. Esses "laços" são fitas magnéticas colocadas no asfalto para fazer o monitoramento. Em alguns locais o cálculo é feito pelos próprios radares.

De acordo com a BHTrans, estão sendo feitos testes com a tecnologia de laços virtuais, em que a contagem é feita por câmeras, de forma mais precisa, uma vez que os laços físicos são mais suscetíveis a rompimentos. Para cada faixa horária do dia ou da semana, é definido um sincronismo. Pela manhã, por exemplo, é priorizado o sentido bairro - centro. Esse raciocínio é realizado levando em consideração o comportamento do tráfego pela cidade. Desta forma, os tempos semafóricos são alterados várias vezes ao dia para se adequarem aos fluxos existentes.

Portanto, não é possível chegar a uma média do tempo de permanência do sinal verde. O ciclo semafórico equivale ao tempo total da interseção, dividido entre as vias e, em Belo Horizonte, na grande maioria dos casos, ele varia de 100 a 120 segundos. As vias de maior fluxo possuem mais tempo de sinal verde e as de menor fluxo, menos tempo.

Veja mais curiosidades sobre os semáforos em BH:

Heitor Antonio/Encontro Digital
(foto: Heitor Antonio/Encontro Digital)

Últimas notícias

Comentários