Pesquisa mostra que maioria dos homens querem fazer cirurgia plástica

De acordo com o estudo, 82,5% dos brasileiros entrevistados querem fazer algum tipo de procedimento estético no rosto, sendo que 25% já recorreram à toxina botulínica

por Da redação com assessorias 16/01/2015 08:48

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
Denise Steiner, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia: "Os profissionais mais maduros sentem que precisam estar com um ar rejuvenescido" (foto: Pixabay)
A verdade é uma só: o homem brasileiro também quer estar com a aparência em dia. Foi isso que revelou pesquisa feita pela Allergan com o apoio da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Mais de 80% dos entrevistados declararam ter vontade de melhorar algum aspecto no rosto.

O estudo aponta também que mais da metade dos brasileiros já fez algum tratamento estético. Entre eles, 48% afirmaram fazer uso de cremes anti-idade e 25% declararam ter aplicado toxina botulínica. Os procedimentos que o público masculino mais tem interesse em fazer são lasers (66%), toxina botulínica (62%) e preenchedores à base de ácido hialurônico (25%).

Essa tendência também vem se acentuando em âmbito mundial. Tanto que os últimos dados da pesquisa anual realizada pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica constataram que os homens estão frequentando cada vez mais os especialistas em busca de tratamentos estéticos. O Brasil aparece em segundo lugar no ranking de países que mais aplicaram toxina botulínica (considerando homens e mulheres), com mais de 300 mil procedimentos no último ano.

A médica Denise Steiner, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia, destaca que um dos motivos pelos quais seus pacientes buscam manter a aparência jovem é por estarem ativos profissionalmente por mais tempo. "Não existe mais uma idade determinada para terminar a carreira. Com a quantidade de jovens que entram no mercado diariamente, os profissionais mais maduros sentem que precisam estar com um ar rejuvenescido, isso os ajuda a recuperar a autoestima necessária para seguirem em frente", comenta.

Tratamentos não invasivos

As rugas mais visíveis e a forma como elas aparecem são diferentes entre homens e mulheres. As reclamações mais comuns entre o público masculino são as marcas de expressão que surgem na região da glabela - espaço entre as sobrancelhas - e frontal. Em seguida, ficam os pés de galinha e as bunny lines - marcas ao lado do nariz. O procedimento estético deve ser sempre individualizado, buscando naturalidade, bem como o melhor efeito para cada paciente.

"A finalidade é obter um resultado natural com impacto imediato, proporcionando uma recuperação plena e que não requer a interrupção das atividades profissionais e de lazer", explica o cirurgião João de Moraes Prado Neto, presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Últimas notícias

Comentários