Mais um na briga dos SUVs

Mercedes-Benz apresenta novo GLA 250 equipado com motor de 211 cv e que pode chegar a 235 km/h

por Da redação com assessorias 01/04/2015 13:05

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Malagrine/Divulgação
Com cara de esportivo, o novo SUV GLA 250 da Mercedes-Benz conta com motor 2.0 de 21 CV (foto: Malagrine/Divulgação)
A Mercedes-Benz acaba de apresentar a mais nova versão do seu SUV GLA 250. "São duas novas versões que chegam ao mercado para completar a família de um dos principais produtos do nosso portfólio. Com isso, teremos sete diferentes configurações do modelo para atender demandas específicas dos nossos clientes", afirma Dimitris Psillakis, diretor-geral de automóveis da Mercedes-Benz do Brasil.

Oferecido nas configurações Vision e Sport, o GLA 250 é equipado com motor 2,0 litros turbo, com 211 cv de potência e 350 Nm de torque, associado à transmissão 7G-DCT de dupla embreagem. Esse conjunto faz com que o SUV consiga alcançar os 100 km/h em 7,2 segundos e permite que chegue à velocidade máxima de 235 km/h (limitada eletronicamente).

O GLA 250 possui alguns itens de fábrica, como o Active Parking Assist (sistema de assistência ao estacionamento), que estaciona o veículo automaticamente em vagas paralelas ou longitudinais. Outro recurso disponível é o Command Online com navegação GPS. A versão Sport, que ganha o kit visual AMG, oferece também câmera de ré como equipamento de série.

Tanto a versão Vision como a Sport são equipadas com teto solar panorâmico com abertura por comando elétrico e ajustes elétricos para o banco do motorista (na Sport, também para o assento do passageiro da frente).

O encosto do banco traseiro pode ser rebatido completamente, elevando a capacidade de carga do porta-malas de 421 para 836 litros.

Malagrine/Divulgação
(foto: Malagrine/Divulgação)


Design

O GLA 250 possui linhas laterais longas e as grades do radiador, bem como o desenho dos faróis, são integrados ao veículo. O capô é estruturado com dois vincos bem demarcados e grade com dupla lâmina, que reforçam a impressão de largura. Os faróis chamam a atenção pela máscara preta e pelas luzes de uso diurno em LEDs.

No interior do SUV, o painel com moldura Silver Wave tem duas seções sobrepostas, com cinco aberturas de ventilação em formato de turbina. O grande display tem a face em Black Piano e o contorno fluido em prata escurecido. O volante de três raios é revestido em couro e conta com 12 teclas funcionais e acabamentos em cromo como equipamento de série.

Motorização

O motor do GLA 250 possui 211 cv e tem torque máximo de 350 Nm, presente entre 1.200 e 4.000 rpm. Ele faz de 0 a 100 km/h em 7,2 segundos e possui velocidade máxima de 235 km/h.

O motor de quatro cilindros engloba tecnologias dos motores V6 e V8 da Classe S da Mercedes-Benz. O processo de combustão, por exemplo, é baseado na terceira geração da injeção direta da marca, que utiliza a tecnologia da múltipla injeção piezelétrica.

Malagrine/Divulgação
(foto: Malagrine/Divulgação)


O motor turbo 2,0 litros trabalha em conjunto com a transmissão automática 7G-DCT com dupla embreagem. Pesando 86kg, o câmbio tem sete velocidades, distribuídas em duas subtransmissões, cada uma com sua própria embreagem. Com isso, a Mercedes promete que as mudanças para a próxima marcha – acima ou abaixo – são quase imediatas, sem perda da força de tração. A utilização de sete velocidades permite um escalonamento de marchas mais próximo, mantendo o motor sempre dentro de faixa ideal de rotações.

Apoio tecnológico

O GLA 250 promete ajudar os condutores com sistemas de assistência automatizados. Um deles está ligado à segurança: o Attention Assist, que alerta o condutor em caso de sonolência e sugere uma parada para descanso. Luzes de freio adaptativas são outro recurso: em caso de frenagens de emergência, elas piscam alternadamente para avisar aos motoristas que vêm atrás, reduzindo o risco de colisão traseira.

Outras duas funções de assistência, associadas ao sistema de freios ABS, prometem maior segurança no Mercedes-Benz GLA. A primeira é a função Hold, que imobiliza o veículo em paradas temporárias, como nos semáforos, sem que o condutor precise manter o pé no pedal do freio. O automóvel é liberado automaticamente assim que o acelerador volte a ser pressionado.

Malagrine/Divulgação
(foto: Malagrine/Divulgação)


Já o sistema HSA (Hill Start Assistance – assistência de partida em aclives) mantém o GLA imobilizado por alguns segundos após o pedal do freio ter sido liberado em inclinações, evitando que o automóvel recue antes de arrancar.

Todas as versões, a partir do GLA 200 Advance, contam também com o sistema de estacionamento Active Parking Assist, que permite estacionar automaticamente tanto nas ruas, em vagas paralelas, como em estacionamentos de supermercados ou shopping centers, onde as vagas são perpendiculares. O GLA 250 Sport e o GLA 45 AMG 4MATIC trazem também câmera traseira.

O novo GLA 250 estará disponível na rede de concessionários da Mercedes-Benz a partir de abril, com preço sugerido de R$171.900 para a versão Vision e R$189.900 para a versão Sport.

Últimas notícias

Comentários