Estudantes da UFMG fazem beijaço contra homofobia

Esse tipo de protesto contra a intolerância já havia sido feito em 2011, e volta a tomar conta do ambiente universitário

16/04/2015 12:21

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Ufmg.br/Reprodução
Os estudantes da UFMG prometem um beijaço gay na porta da Faculdade de Direito para chamar a atenção contra a homofobia (foto: Ufmg.br/Reprodução)
Devido a episódios de homo-lesbofobia que têm acontecido dentro do ambiente universitário, estudantes e coletivos da UFMG organizaram ações contra a discriminação e violências sofridas pela comunidade LGBT.

Com o tema O Afeto é a Melhor Arma Contra a LGBTfobia, o "beijaço" programado para esta quinta-feira, 16 de abril, às 18h30, na Faculdade de Direito, na avenida João Pinheiro, centro de Belo Horizonte, tem como objetivo chamar a atenção da comunidade acadêmica e da sociedade para a gravidade dos atos de violência.

"A sociedade livre e pacífica que queremos construir não pode mais admitir que, por causa de posturas preconceituosas vindas de outras pessoas ou grupos, a população LGBT tenha direitos negados ou medo de se expressar afetiva e sexualmente", explicam os organizadores do evento, que são estudantes do curso de Direito.

Em 2011 a UFMG já havia recebido um beijaço próximo à reitoria da universidade, reunindo 150 estudantes que pediam o fim da intolerância e dos crimes contra os homossexuais.

Últimas notícias

Comentários