Entenda como se forma o tornado, que devastou a cidade de Francisco Beltrão

O município do Paraná foi atingido por ventos de até 120 km/h que deixaram 19 pessoas feridas, além dos estragos em casas, automóveis e animais domésticos

15/07/2015 09:19

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
YouTube/Reprodução
A cidade de Francisco Beltrão, no Paraná, foi atingida por um tornado com ventos de até 120 km/h (foto: YouTube/Reprodução)
Os tornados, segundo a meteorologista Samantha Martins, costumam se formar sobre a terra, quando uma massa de ar ascendente quente e úmida (que forma as nuvens de tempestade) se choca com uma massa de ar fria e seca. O ar seco e frio é então forçado para baixo. Isso aconteceu na segunda, dia 13 de julho, na cidade de Francisco Beltrão, na região sudoeste do Paraná. Os ventos de 120 km/h deixaram 19 pessoas feridas na zona rural do município.

Veja os vídeos da tormenta:



De acordo com especialistas do Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), o fenômeno foi identificado por meio do radar metereológico instalado em Cascavel e por imagens enviadas por moradores.

"Tornados são colunas de ar em altíssima rotação, originadas de nuvens de tempestade tipo cumulonimbus, e que algumas vezes entram em contato com o chão. Os tornados possuem o formato de um funil, diminuindo sua largura quanto mais próximo a superfície. A velocidade dos ventos são de, no mínimo, 177 km/h e possuem um diâmetro de aproximadamente 100 m", explica a meteorologista Samantha Martins, do portal Meteorópole.

Segundo a defesa civil de Francisco Beltrão, a região central da cidade teve cinco casas destruídas, cavalos, galinhas e outros animais foram mortos, caminhões e carros ficaram destruídos. Em outros pontos do município, mais de 50 casas foram destelhadas. No total, a defesa civil registrou mais de 200 pessoas afetadas pela passagem do tornado.

Últimas notícias

Comentários