Brasil sobe para terceiro no quadro de medalhas dos Jogos Pan-Americanos

A grande responsável pela subida do país no ranking foi a natação, que conquistou três ouros na quarta, dia 15

16/07/2015 11:49

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Roberto Castro/ME/Reprodução
O judô brasileiro também foi responsável por parte das 16 medalhas de ouro do Brasil, nos Jogos Pan-Americanos do Canadá, como o obtido pelo judoca Charles Chibana (foto: Roberto Castro/ME/Reprodução)
O desempenho de ouro da natação brasileira, na noite dessa quarta-feira (15) ajudou a levar o Brasil à terceira posição no quadro de medalhas dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá. Já são 16 medalhas de ouro, 14 de prata e 25 de bronze. O Brasil só fica atrás dos donos da casa, com 33 ouros, e dos Estados Unidos, que subiram 28 vezes no topo do pódio. Logo atrás do Brasil, estão Cuba e Colômbia. Os dois países também conquistaram 16 ouros, mas ficam atrás no número de medalhas de prata.

Além das seis medalhas da natação, sendo três de ouro, o Hino Nacional também tocou na disputa do halterofilismo. O atleta Fernando Reis venceu a prova na categoria acima de 105 kg, ao levantar um total de 427 kg em quatro tentativas. A medalha de prata ficou com o Canadá e a de bronze, com o Equador.

O desempenho brasileiro também teve destaque no badminton, com duas medalhas de prata. As irmãs Luana e Lohaynny Vicente, além da dupla Daniel Paiola e Hugo Arthuso, perderam as finais, mas garantiram lugar no pódio. No tiro rápido 25 metros, Emerson Duarte também levou a prata.

No futebol feminino, um placar que traz más lembranças para os brasileiros se repetiu. Mas, dessa vez, a nosso favor. A Seleção venceu o Equador por 7 a 1, com direito a cinco gols de Cristiane, sendo quatro deles de cabeça. "Tenho uma boa impulsão e aproveitei que elas não marcavam. Foi um alívio, na verdade, tirei um peso que estava carregando", disse a atacante ao site do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Cristiane havia deixado o mundial de futebol feminino, no mês passado, sem marcar nenhum gol.

Hoje, em Toronto, o Brasil entra em ação no vôlei de praia e, no tênis feminino, a dupla brasileira Beatriz Haddad e Paula Gonçalves disputa o bronze com as argentinas Maria Irigoyen e Paula Ormaechea. O Brasil também volta a cair na água nesta quinta-feira. Nas eliminatórias da natação feminina, Joanna Maranhão e Gabrielle Roncatto disputam os 400m medley, enquanto Daiene Dias e Daynara de Paula nadam os 100 metros borboleta. As meninas dos 4x200 metros livre também competem hoje.

Na natação masculina, Arthur Mendes disputa as eliminatórias dos 100 metros borboleta e Brandonn Almeida e Thiago Pereira nadam os 400 metros medley.

(com Agência Brasil)

Últimas notícias

Comentários