Mergulhador filma espécie de 'bolha gigante' no fundo do mar

O vídeo foi feito na costa da Turquia e vem chamando a atenção dos internautas

por João Paulo Martins 29/07/2015 16:15

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Vimeo/Reprodução
A estranha bolha transparente e gelatinosa encontrada por mergulhadores na Turquia pode se tratar de uma massa de ovos de lula gigante (foto: Vimeo/Reprodução)
Imagine mergulhar nas profundezas do mar e se deparar com algo inesperado e inexplicável. É o que aconteceu com o mergulhador turco Lutfu Tanriover, que estava na região de Fethiye, na costa da Turquia, quando se deparou com uma espécie de bolha macia e gelatinosa de cerca de 4 metros de diâmetro. Além do tamanho descomunal, o estranho elemento era cheio de infinitos pontos flutuantes.

Confira o vídeo do encontro do mergulhador com a estranha "formação" subaquática:

the thing from Lutfu Tanr%u0131over on Vimeo.

Music: "Suddenly Yours" from the CD "This Moment Now" by the group 2002



Na imagem que está fazendo sucesso na internet, é possível ver Lutfu chegando bem perto da bolha e até tocando a estranha estrutura transparente. A luz da lanterna do mergulhador passa pela fina camada externa, que lembra a pele de uma água-viva.

Apesar do "mistério" criado pelo vídeo, o cientista americano Christopher Mah, do site The Echinoblog, diz que sabe do que se trata. Especializado em animais marinhos, ele acredita que a bolha, na verdade, é uma gigantesca massa de ovos de lula. O cientista especula que seja da espécie Ommastrephes bartramii, também conhecida como lula vermelha voadora.

Muito comum nas profundezas, essa espécie de lula já foi responsável pela maior massa de ovos já registrada, com quase 4 metros de diâmetro, e que foi encontrada na costa da Califórnia, em 2008. Segundo Christopher, essa "bolha" pode conter entre 600 mil e 2 milhões de ovos de lula. "Essas massas de ovos são mais comuns nas profundezas do mar, e, esporadicamente, surgem em águas mais rasas. E como o tempo de eclosão dos filhotes é de apenas três dias, é muito raro achar um material como esse", conta o cientista em seu site.

Biologypop.com/Reprodução
Segundo o estudioso de animais marinhos, a bolha, na verdade é uma massa de ovos da lula vermelha voadora (foto: Biologypop.com/Reprodução)

Últimas notícias

Comentários