Conheça a inglesa que tem o rosto considerado perfeito

Essa constatação foi feita por uma competição britânica que analisou cientificamente o rosto de diversas mulheres

por João Paulo Martins 14/09/2015 12:16

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Facebook/Florence Colgate/Reprodução
Baseado numa pesquisa inglesa que leva em conta a simetria, a jovem Florence Colgate foi considerada detentora do rosto perfeito (foto: Facebook/Florence Colgate/Reprodução)
Como deve ser o rosto feminino perfeito? Essa resposta foi dada pelo concurso inglês Britain's Most Beautiful Face (O Rosto Britânico Mais Bonito), que elegeu Florence Colgate, então com 18 anos e estudante de Letras, como a detentora da feição mais bonita já registrada.

Apesar dos olhos azuis e cabelos louros, o que fez com que Colgate conquistasse o título de rosto perfeito em 2012 foi a simetria de seus contornos da face e a proporção entre a boca, os olhos, o queixo e a testa. Essa análise levou em conta métodos matemáticos e foi realizada por Carmen Lefèvre, da Universidade de St. Andrews, da Escócia.

Segundo o estudo Facial Attractiveness, Symmetry and Cues of Good Genes (Rosto Atraente, Simetria e Pistas de uma Boa Genética, em tradução livre), publicado em período científico da The Royal Society, em 1999, a proporção do rosto perfeito deve compreender uma distância entre os olhos equivalente a 46% da altura da face (do queixo até o final da testa). No caso de Florence, o valor chegou a 44%. Além disso, a cientista Carmen Lefèvre disse, em entrevista a jornais locais, na época, que a jovem, que hoje está com 21 anos, tem os sinais clássicos da beleza: olhos largos, grandes bochechas e lábios carnudos.

Apesar do título, Florence Colgate não seguiu na carreira de modelo e se formou em Letras em maio de 2015. Além disso, em entrevista ao jornal The San Francisco Globe (EUA), em abril deste ano, disse que pretende fazer pós-graduação em administração de negócios. Questionada sobre o que pensa ao se ver no espelho, não pensou duas vezes para responder: "Eu vejo apenas a mim mesma, e não, a ciência".

Últimas notícias

Comentários