Que tal um jogo 'finito', que não dá outra chance caso "você" morra?

Em Upslon Circuit, a morte do personagem significa que o jogador não poderá mais jogar

por Marcelo Fraga 17/11/2015 15:56

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Robot Loves Kitty/Divulgação
Em Upson Circuit, caso o jogador deixe seu personagem morrer, não será possível continuar jogando, nunca mais (foto: Robot Loves Kitty/Divulgação)
Geralmente, nos games digitais, os jogadores têm várias chances de alcançar os objetivos, mesmo que o personagem "morra". As chamadas "vidas" (uma espécie de banco de tentativas) costumam ser limitadas e, ainda que elas se esgotem, é possível reiniciar o jogo desde a fase inicial. Entretanto, em Upson Circuit, essa lógica, tão comum, não existe.

O jogo, da produtora americana Robot Loves Kitty, é um RPG de ação e ainda está em fase de desenvolvimento, mas seus criadores divulgaram alguns detalhes que já estão causando discussão entre os gamers. O mais polêmico está sendo chamado de "permadeath" (morte permanente, em tradução livre do inglês). Isso quer dizer que, se seu personagem morrer, você nunca mais poderá acessar o jogo a partir dessa conta.

Outro ponto interessante divulgado pelos desenvolvedores de Upsilon Circuit é que o game será  também um "show", permitindo que pessoas assistam as partidas ao vivo. Além disso, os servidores vão selecionar automaticamente oito jogadores da audiência, divididos em dois grupos iguais, para disputar as batalhas.

Novidade?

Artur Mol, coordenador do curso de Jogos Digitais da PUC Minas, lembra que o aspecto de morte permanente já foi utilizado no entretenimento digital, mas em um passado já distante. "Os Tamagochis [aqueles bichinhos virtuais que ficaram famosos em meados dos anos 1990] tinham característica semelhante. Você precisava cuidar bem dele, senão, morria, e a única solução para continuar brincando era comprar outro", lembra o professor.

O especialista diz ainda que, com uma lógica tão "angustiante", o game Upsilon Circuit precisa ter outros recursos atrativos para conquistar os jogadores, entre eles uma boa jogabilidade – ou seja, o usuário deve ter uma experiência prazerosa durante as partidas virtuais.

Outro aspecto destacado por Artur Mol é a preocupação com a segurança: "Os criadores do game precisam garantir que o usuário realmente não consiga criar outra conta, caso morra no jogo. Se não houver esse cuidado, o grande diferencial do jogo pode se tornar um problema".

Por enquanto, Upsilon Circuit ainda não tem data prevista para o lançamento. Mesmo assim, a divulgação de seus recursos extremamente ousados já é suficiente para causar uma grande expectativa nos admiradores de jogos digitais.

Confira abaixo o preview do jogo:

Últimas notícias

Comentários