Jovem americano compra flores para todas as garotas de sua escola

Hayden Godfrey adquiriu nada menos que 900 cravos para celebrar o Valentine's Day

por João Paulo Martins 15/02/2016 10:27

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Facebook/Spacefish7/Reprodução
O jovem Hayden Godfrey (no detalhe, com a namorada) adquiriu 900 cravos para presentear todas as alunas de sua escola no Dia dos Namorados (foto: Facebook/Spacefish7/Reprodução)
O Valentine's Day, ou Dia dos Namorados, é comemorado anualmente no dia 14 de fevereiro nos Estados Unidos. Uma das principais tradições americanas pode ser vista nessa data: a troca de cartões e presentes entre estudantes. Claro que essa ação acaba deixando muitos alunos tristes, por serem "rejeitados" nesse dia. Pensando nisso, Hayden Godfrey, de 17 anos, que estuda na Sky View High School, na cidade de Smithfield, em Utah (EUA), comprou 900 cravos para presentear todas as alunas do ensino médio.

"Hoje, eu entreguei 900 cravos para cada garota da escola, e valeu a pena. Nada se compara à oportunidade de ver as garotas que fazem parte de sua vida passar pelo corredor segurando uma flor", conta Hayden Godfrey, numa publicação feita em sua conta pessoal no Facebook.

Segundo o canal americano de notícias ABC News, o jovem gastou US$ 450 (cerca de R$ 1.795) numa floricultura online, para alegrar o Valentine's Day de 834 alunas da Sky View High School. Essa atitude "cavalheira" começou quando ele tinha 14 anos. Na época, o garoto enviou, anonimamente, flores a 30 jovens de sua escola, que não haviam recebido nada no Dia dos Namorados. "Isso deixou o coração dele arrasado. Ele queria que cada garota se sentisse feliz", diz Erin Godfrey, mãe de Hayden, ao ABC News.

Para conseguir juntar o dinheiro, de acordo com o canal de notícias, o rapaz precisou trabalhar como cozinheiro no McDonalds e como lavador de pratos num restaurante mexicano durante 10 meses.

Hayden namora há seis meses, e a atitude exemplar – de puro cavalheirismo – foi muito bem recebida pela namorada. "Eu já passei o Dia dos Namorados sem receber nada. Sei como elas se sentem", revela Lilyan Sharp, de 18 anos, ao ABC News.

Últimas notícias

Comentários