Sabia que dormir bem é essencial para quem faz musculação?

Segundo especialistas, os músculos se formam durante o sono profundo

por João Paulo Martins 02/03/2016 16:35

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
Não adianta gastar horas na academia fazendo musculação se, à noite, não conseguir dormir corretamente e passar pelos quatro estágios do sono (foto: Pixabay)
Quem pensa que os músculos se formam durante as atividades na academia, está enganado. Especialistas ouvidos pelo jornal americano Washington Post revelam que dormir corretamente, passando pelos quatro estágios do sono, é essencial para que o corpo possa desenvolver a musculatura que foi "trabalhada" durante o dia.

"É durante as fases do sono que os tecidos do corpo se reparam. Mas, você deve passar por todos os estágios, na sequência correta, se quiser ter os benefícios reparadores", explica o médico esportista John Broussard, em entrevista ao jornal americano. Vale lembrar que o sono é composto pelas seguintes fases: sono leve; início do sono, que corresponde a 50% da noite; primeira fase do sono profundo, momento da regeneração; e segunda fase do sono profundo, ou REM, em que acontecem os sonhos.

O médico conta que muitos de seus pacientes que sofrem de fibromialgia reclamam de dores musculares, nos tendões e de lerdeza cognitiva, e isso está relacionado à incapacidade de alcancarem as fases profundas do sono. O consumo de pílula para dormir também atrapalha, já que, segundo o especialista, ela não permite que a pessoa passe por todos os estágios quando vai para a cama.

Para os atletas profissionais ou para quem gosta de fazer musculação, é importante saber que o corpo precisa passar pelas etapas profundas do sono, para que a proteína consumida durante o dia e o hormônio do crescimento produzido à noite, possam ajudar na repação muscular. "É nesse momento que você repara o tecido 'rompido' e fica mais forte", diz o personal trainer Chirjeev Sawhney, ouvido pelo Washington Post.

Os especialistas explicam que a qualidade do sono é o fator essencial que justifica o fato de dois alunos de uma academia evoluírem os músculos de forma desigual, apesar de fazerem os mesmos exercícios e consumirem os mesmos alimentos.

(com The Huffington Post)

Últimas notícias

Comentários