Imagine ser preso por deixar de devolver uma fita VHS alugada há 14 anos?

Esse fato muito inusitado aconteceu nos Estados Unidos

por João Paulo Martins 24/03/2016 12:56

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Wsoctv.com/Reprodução
O comediante James Meyers não achou graça quando foi preso por ter deixado de devolver uma fita VHS (detalhe) que tinha alugado em 2002 (foto: Wsoctv.com/Reprodução)
Quando se fala que uma pessoa foi presa, logo se imagina uma situação que envolve um crime grave, como assalto ou corrupção, certo? Bem, isso não vale para o americano James Meyers, que mora na cidade de Concord, na Carolina do Norte. Ele foi conduzido para a prisão local, no dia 22 de março, por ter deixado de devolver uma fita VHS alugada há 14 anos.

O americano não poderia imaginar que assistir Freddy Got Fingered (Fora de Casa!), em 2002, iria resultar numa situação constrangedora no futuro. O filme foi retirado da extinta loja J&J's Video, que ficava na cidade de Kannapolis, também na Carolina do Norte. Além de ter sido obrigado a depor para o delegado, ele ainda terá de pagar uma multa de US$ 200 (cerca de R$ 740).

Meyes, que trabalha como comediante, conta ao canal local de notícias WSOCTV, que foi parado por policiais quando ia levar a filha para a escola. "Eles ficaram analisando minha carteira de motorista por quase meia hora. O policial disse que não sabia como contar, mas que havia um mandado de prisão em meu nome datado de 2002, por ter alugado um filme e não ter devolvido. Achei que era piada", diz o americano.

Ele diz que os policiais foram educados e permitiram que levasse a filha para a escola, desde que fosse à delegacia no dia seguinte. Ao chegar do departamento de polícia, James Meyes foi preso e levado até o delegado. "Essa foi a primeira vez na vida em que fui algemado", revela Meyes ao WSOCTV.

Curiosamente, o ator Tom Green, que faz o papel principal do comediante que mora com os pais e foge de casa no filme Freddy Got Fingered, ficou sabendo da inusitada história e a divulgou em sua conta no Twitter. "Acabei de ver isso e é difícil de acreditar que seja real", brinca Green.

Em entrevista ao jornal Daily News, de Nova Iorque, o ator conta que ligou para Meyes e que se ofereceu para ajudar num possível julgamento e que está disposto a ajudá-lo a pagar a dívida de R$ 740.

Últimas notícias

Comentários