Pterossauro capturado e registrado em foto antiga nos Estados Unidos?

Imagem vem intrigando os internautas. Será que é verídica?

por João Paulo Martins 29/03/2016 12:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Livepterosaurs.com/Reprodução
Afinal, esta foto supostamente tirada durante a Guerra Civil Americana, seria a prova da existência dos pterossauros, os pré-históricos répteis voadores? (foto: Livepterosaurs.com/Reprodução)
Para quem gosta de assuntos sobrenaturais ou misteriosos, a chamada criptozoologia, que é o estudo de animais lendários, mitológicos ou hipotéticos, costuma ser recheada de histórias interessantes. Uma delas vem chamando a atenção dos internautas e teve origem nos Estados Unidos: trata-se de uma foto supostamente tirada em 1864, durante a Guerra Civil Americana (1861 a 1865), próximo à cidade de Vicksburg, e que mostra seis soldados que posaram ao lado de um pterossauro "abatido".

Os répteis voadores conhecidos como pterossauros teriam vivido durante o período Mesozoico, entre 251 milhões e 65,5 milhões de anos atrás, antes do surgimento dos dinossauros. Fósseis desses animais já foram encontrados até no Brasil, na região de Araripe, no Ceará. Porém, a fotografia que teria sido feita nos EUA seria um contraponto ao que prega a ciência.

O escritor e criptozoologista americano Jonathan Whitcomb analizou a polêmica imagem e chegou à conclusão de que ela teria 30% de chance de ser real. Ele é o mais famoso estudioso de supostos pterossauros modernos, e acredita que, apesar de céticos dizerem que se trata de uma fotografia manipulada por computador, é possível que seja autêntica.

"Por que muitos céticos simplesmente não acreditam nessa foto da Guerra Civil? Ocidentais foram doutrinados, durante gerações, pelo 'dogma' da extinção. Está injetado em nossa mente, desde pequenos. É muito difícil aceitarmos a fotografia de um possível pterossauro recém-abatido", critica Whitcomb, em texto publicado no seu site oficial.

O escritor diz ainda que não é preciso aceitar a imagem simplesmente pelo prazer de acreditar que pterossauros poderiam existir nos dias de hoje, e sim, "porque devemos pensar mais livremente, pesquisar profundamente e tentar sermos mais abertos para novas possibilidades".

Uma outra imagem também associada à Guerra Civil Americana e que seria a "prova" da existência dos répteis voadores, já foi confirmada como sendo uma fraude. Segundo o site e-Farsas, especializado em desmascarar os boatos da internet, a suposta fotografia do pterossauro era, na verdade, que uma campanha de marketing para promover o programa FreakLinks, que foi exbidido pelo canal de TV americano Fox.

Confira, abaixo, à imagem falsa, que também "contém" um pterossauro:
E-farsas.com/Reprodução
(foto: E-farsas.com/Reprodução)


Portanto, apesar de não se ter uma explicação para a foto que teria sido feita em 1864, a existência de outra imagem muito parecida, e que é comprovadamente manipulada, acaba desacreditando a primeira.

Últimas notícias

Comentários