Já existe marchinha da prisão do 'Japonês da Federal'

Na verdade, após a prisão, a marchinha anterior que 'vangloriava' o policial federal foi atualizada

por João Paulo Martins 09/06/2016 09:08

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
YouTube/Thiago de Souza - Thiago SP/Reprodução
Famoso por encaminhar suspeitos de corrupção à prisão, Newton Ishii, o "Japonês da Federal", acabou sendo preso e virou até marchinha de carnaval (foto: YouTube/Thiago de Souza - Thiago SP/Reprodução)
"Ai meu deus, se deu mal, foi preso em Curitiba o Japonês da Federal". Assim começa a nova marchinha criada pelo grupo paulista Os Marcheiros, que se tornaram especialistas em fazer paródias políticas, e que trata da prisão do policial federal Newton Ishii, ocorrida na terça, dia 7 de junho. Ele ficou conhecido no país todo como o "Japonês da Federal", por aparecer conduzindo políticos e empreiteiros suspeitos de corrupção e que foram enquadrados pela Polícia Federal de Curitiba, no Paraná.

A nova marchinha – na verdade, é uma atualização de outra que era "favorável" ao policial – já começou a fazer sucesso no Brasil. Ela foi escrita logo após a divulgação da prisão do "Japonês da Federal" e gravada também na quarta, dia 8 de junho. "Quando vi a notícia hoje de manhã pensei em reagir. A ideia veio na hora. A marchinha tem uma métrica simples e, por isso, o jogo de palavras não foi difícil de fazer", conta o compositor Thiago de Souza, em entrevista ao portal de notícias UOL.

O tempo recorde de gravação da música foi ajudado por um projeto do grupo Os Marcheiros que já estava encaminhado: iam gravar uma marchinha sobre a Tia Eron, deputada federal da Bahia cujo voto será decisivo no pedido de cassação do também deputado federal e ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha. "A classe política, que era meio imaculada, está sendo desmistificada. O brasileiro acaba sendo muito sacaneado com a corrupção e a má-fé dos políticos. A gente tem duas formas de reagir. Ou é agressivo ou brinca com tudo isso. Eu prefiro a segunda opção", comenta Thiago ao UOL.

Assista, abaixo, à marchinha "repaginada" do "Japonês da Federal":

Últimas notícias

Comentários