Ator mineiro faz sucesso como Rose, a "doméstica das bicha"

Fã da Beyoncé, o ator Lindsay Paulino cria versões da diva pop na voz de uma empregada doméstica que só trabalha para 'bicha rica'

por Fernanda Nazaré 28/11/2014 16:25

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
A personagem Rose encanta o público com suas histórias dos patrões gays e com as paródias das músicas da cantora americana Beyoncé (foto: Divulgação)
Os comentários dos internautas no YouTube são quase unânimes:  "Estou viciado", "Nunca mais cantei a versão original" ou "Hilário". Quem  assiste às paródias dos hits da cantora americana Beyoncé, na voz de Rose, a "doméstica das bicha" – personagem criada pelo ator mineiro Lindsay Paulino –, corre o risco de cantarolar as versões o dia inteiro.

Desde 2010 no site de vídeos, a versão Grelo (parodiando Halo da diva norte-americana do pop) já possui mais de um milhão de visualizações. Outras versões, como Esfrega Mais (Drunk in Love), ainda têm curiosidades, como ensinar a tirar mancha das roupas, e acabam contando um pouco sobre a rotina da empregada doméstica que só trabalha para "bicha rica", como ela própria se intitula.

Divulgação
O mineiro Lindsay Paulino, de 31 anos, largou o design de interiores para se dedicar ao humor (foto: Divulgação)
Quando estava prestes a se formar em design de interiores, Lindsay Paulino largou a faculdade para se dedicar à Rose em tempo integral. "Depois dela, minha vida mudou bastante. Ela é meu carro-chefe. O poder que a internet tem de mostrar um trabalho é muito assustador. Recebo e-mails e comentários do mundo inteiro nos meus perfis nas redes sociais. Sei de fã clubes na Europa e nos Estados Unidos, e isso é muito bacana. Costumo dizer também que meus vídeos se tornaram uma espécie de teste online. Já fui convidado até para uma série no canal Fox, depois que a diretora viu a Rose no YouTube", conta.

Ator há 20 anos, o mineiro de Montes Claros, região norte de Minas Gerais, despontou em BH (e no mundo) após criar a carismática personagem Rose e publicar os vídeos no YouTube. Aos 31 anos, ele acaba de encerrar uma temporada da peça Rose, a Doméstica das Bicha no Teatro Nossa Senhora das Dores. No final do ano, o humorista vai se apresentar no primeiro palco de sua vida, em sua cidade natal. Além disso, já planeja temporadas no Rio de Janeiro e em São Paulo em 2015. No próximo ano, os belo-horizontinos também poderão conferir as histórias da doméstica na Campanha de Popularização do Teatro, que começa em 6 de janeiro e vai até 8 de março.

Inspiração

As técnicas de faxina, segundo Lindsay, foram aprendidas em casa, assistindo sua mãe. Mas os truques do dia a dia correspondem a conhecimentos acumulados pelo ator quando ainda lutava para vencer na capital mineira. "Acho que aprendi com a minha mãe e minha avó e acabou ficando no meu inconsciente. Quando vim para BH, sozinho, tive de me virar no início, quando era estudante, e não tinha grana pra nada", revela.

O ator costumava imitar o jeito "firme" das mulheres do norte de Minas, mas, quando contratou uma empregada que trabalhava também na casa de alguns conhecidos gays – e ela não tinha a menor idéia da opção sexual dos patrões – surgiu a ideia de criar a personagem Rose.

A criação de Paulino foi uma mistura de várias influências, mas Rose não está longe da realidade. Durante uma apresentação em BH, uma "Rose" da vida real estava na plateia. "Uma fã, que foi assistir ao meu espetáculo, era empregada doméstica e se chamava Rose. Foram tantas as coincidências que, claro, a chamei no palco", lembra.

Quer dar umas boas risadas? Separamos alguns dos vídeos de maior acesso da carismática Rose:



Últimas notícias

Comentários