Brothers of Brazil chega a BH com novo disco

A dupla formada pelos irmãos João Suplicy e Supla retorna à capital mineira, e reserva aos fãs de rock as composições próprias que fazem parte do terceiro álbum da banda: Melodies from Hell

por João Paulo Martins 09/01/2015 10:25

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
A dupla Brothers of Brazil, formada pelos irmãos Supla e João Suplicy chegam a BH para lançar o novo disco: "Grande parte das músicas do terceiro álbum foram compostas na estrada", diz João (foto: Divulgação)
Em 2009 os irmãos João Suplicy e Supla, ambos músicos, se juntaram para lançar o disco Punkanova, gravado nos Estados Unidos pela SideOneDummy. A mistura de bossa nova com punk rock mostrou aos brasileiros que a dupla chegava para abalar o mercado audiovisual. O público já conhecia o "papito", com seu estilo do personagem Charada, devido às suas diversas aparições na TV – Supla ganhou notoriedade nacional após participar do programa Casa dos Artistas, do SBT, em 2001.

Já o irmão João Suplicy sempre teve uma carreira sólida, com sua típica mistura da MPB com o rock clássico, aliás, ele é um fã declarado de Elvis Presley.

Com a força da gravadora americana, Brothers of Brazil chegou a fazer mais de 250 shows nos Estados Unidos e Reino Unido, tocando com nomes como Adam Ant (vocalista da banda Adam and the Ants), Hugh Cornwell (ex-Strangers) e com as bandas Flogging Molly, The Addicts, Pennywise e The Aggrolites.

Lançado em novembro do ano passado, em São Paulo, o terceiro disco da banda, intitulado Melodies from Hell, é composto por 14 músicas autorais, e foi gravado na cidade americana de Nashville. "Fomos criando as músicas conforme viajávamos pelo interior dos Estados Unidos", diz João Suplicy. O trabalho foi produzido por Jon Tiven e Jimmy Walls, que já produziram importantes artistas americanos como Bebe Buell, B.B. King, Robert Plant, Black Francis (Pixies) e Das Damen.

Como João Suplicy e Supla explicam, o novo disco possui influências diversas que vão de João Bosco e Baden Powell a Carole King e Public Image Ltd. Os fãs belo-horizontinos que forem ao Granfinos no dia 23 de janeiro podem esperar muito rock e experimentação, características da dupla paulista. Confira abaixo a entrevista exclusiva concedida pelos dois à Encontro:

Encontro – O que o público de BH pode esperar do show de vocês na Granfinos?

João Suplicy – Uma parte do repertório será das músicas que compõem o novo trabalho, Melodies from Hell. Mas a gente toca canções do primeiro disco, Punkanova, do segundo, On My Way. Estou muito animado para tocar aí.

O novo disco é composto por músicas autorais, certo? Quais são suas influências?

João Suplicy – Todos os nossos três discos são compostos por canções próprias. Somos influenciados não só pelo rock, mas temos muito da MPB, além de outros estilos que unificamos para chegar ao som que é a cara da banda Brothers of Brazil. Acho que o Melodies from Hell mostra bem a sonoridade que queremos imprimir, bem como um estilo de composição e percussão próprios da dupla.

Otavio Souza/Divulgação
O rockeiro Supla fala que nunca fica parado, mesmo quando está em turnê: "Minha cabeça está pensando sempre para frente" (foto: Otavio Souza/Divulgação)
Podemos dizer que chegaram ao ápice da maturidade do Brothers of Brazil?

João Suplicy – Acredito que sim. O novo disco reflete também o momento da banda, com todas as influências que tivemos. Grande parte das músicas do terceiro álbum foram compostas na estrada, quando estávamos tocando nos Estados Unidos.

Supla –
Olha, isso é relativo. Eu sempre quero progredir. Gostei muito do novo álbum, mas já estou pensando no próximo. Ele é um ótimo registro de nossa passagem por Nashville, mas 'move on'. Estamos vivendo ele, mas minha cabeça está pensando sempre para frente. Gravamos 20 músicas para o Melodies from Hell, e usamos 14. Temos as seis restantes que, de repente, podem sair como um disco.

Aliás, podemos dizer que você trouxe um pouco do rock tradicional, como o do Elvis Presley, para a banda?

João Suplicy – Podemos dizer que os dois têm a influência do rock. Eu tenho até um projeto particular em que toco as músicas do Elvis. Mas o Supla também curte o estilo.

As andanças que vocês fizeram pelo interior dos Estados Unidos, de alguma forma, influenciou a dupla?

João Suplicy – Em Nashville, onde gravamos o terceiro disco, existe a presença forte do country, mas a música lá, hoje, vai muito além, unindo vários estilos. É uma cidade muito musical, chamada até de 'music city'. A gente teve um experiência muito legal trabalhando lá com os produtores Jon Tiven e Jimmy Walls, que já tinham produzido até Robert Plant. Eles têm uma bagagem muito legal, e o álbum acabou saindo como queríamos. E ao vivo tentamos reproduzir um pouco da sonoridade, já que o público vai conferir apenas bateria e violão.

No Melodies from Hell você e seu irmão Supla tocaram a maioria dos instrumentos, não é verdade?

João Suplicy – Realmente tocamos quase todos os instrumentos. Eu toco violão, teclado e baixo. O Supla ficou por conta da bateria e da percussão.

Como é tocar aqui em BH?

Supla – Muito legal. A gente já fez vários shows na capital mineira, especialmente em 2014, quando chegamos a tocar na praça da Estação. É um prazer voltar aí. E agora vamos para lançar oficialmente o novo álbum.

A capital mineira é muito influenciada pelo estilo sertanejo. Você acha que existe espaço para o rock?

Supla – Com certeza. Não sei. Quem for ao Granfinos vai ver um show muito legal. O sertanejo é grande? bacana. Antes não era assim. Sei lá. Antes era o pagode. 'I dont give a fuck'. No show, o público vai entrar numa viagem, já que contamos uma espécie de história.

Confira abaixo um recado do Supla para os fãs mineiros:



Serviço:

Onde:
Granfinos
Endereço: avenida Brasil 326, Santa Efigênia, Belo Horizonte
Ingressos: Lote 1 – R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira); Lote 2 –  R$ 20 (meia) e R$ 40 (inteira); Lote 3 – R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira)
Pontos de venda: bilheteria (segunda a sábado das 14h às 19h) ou www.simpla.com.br
Classificação: 18 anos
Informações: (31) 3241-1482

E para quem quer conhecer o novo trabalho do Brothers of Brazil, aqui está a música que dá nome ao disco, Melodies from Hell:

Últimas notícias

Comentários