Google terá de pagar R$ 250 mil a Cicarelli por vídeo de sexo

Decisão é da 4ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ)

por Diário de Pernambuco 14/10/2015 09:23

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Instagram/Daniella Cicarelli/Reprodução
Em 2012, o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que o vídeo íntimo de Daniella Cicarelli fosse retirado do YouTube, sob pena de R$ 250 mil por dia (foto: Instagram/Daniella Cicarelli/Reprodução)
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou que o Google pague R$ 250 mil de indenização à apresentadora e modelo Daniella Cicarelli e ao ex-namorado Renato Malzoni Filho. A multa, que saiu nesta terça-feira (13), é por causa da veiculação de vídeos e fotos do ex-casal em cenas íntimas em uma praia na Espanha, em 2006.

À época, Cicarelli e Malzoni entraram na justiça pedindo a retirada do material da internet e foram acatados pela Justiça, que penalizou a empresa com multa de R$ 250 mil por dia. No entanto, a 4ª turma do STJ reviu o caso e decidiu que o valor era alto demais. O Google deve então pagar apenas uma parcela da multa aos dois que, segundo o processo no site do órgão, "era o valor adequado para punir o descumprimento de ordem judicial, sem permitir o enriquecimento sem causa do ex-casal".

Relembre

As imagens de 2006, gravadas na praia, mostravam Cicarelli e seu então namorado, Tato Malzoni, em um clima acima do nível “impróprio para menores” dentro do mar. O vídeo, é claro, acabou viralizando rapidamente no Youtube. A ação movida pela ex-VJ da MTV vem então se arrastando.

Últimas notícias

Comentários