Chocolate com ervas: gostoso e saudável

A chocolateria Qoy inova ao harmonizar chocolates amargo, ao leite, branco e caramelado com flores e ervas comuns no Brasil, especialmente em Minas

por Da redação com assessorias 05/11/2013 14:26

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Studio Pixel/Divulgação
Os novos blends da Qoy são oferecidos em caixas com 75 tabletes com sabores à escolha do cliente (foto: Studio Pixel/Divulgação)
Muito comuns para quem curte natureza e tratamentos homeopáticos, as ervas e flores são reconhecidas por suas características medicinais e esotéricas. Além de fazerem bem para o organismo, elas ajudam na eliminação de fluidos negativos e atraem, entre outras coisas, proteção, bem-estar, alegria e prosperidade. Pensando nisso, a chocolateria Qoy lança a linha Aromáticos, que harmoniza chocolate amargo, ao leite e branco, com flores e ervas.

O blend reúne chocolates com sete ervas: alfavaca, alecrim, erva cidreira, hortelã, melissa, funcho e capuchinha. A mestre chocolatier da Qoy, Andréia Falci, explica que as ervas e flores são orgânicas, certificadas pelo IBD, e originadas do Sítio Ervas Dei Falci, de propriedade da família. "O universo do chocolate nos inspira e nos desafia. A busca contínua por novos sabores e combinações é sempre surpreendente. Essas experiências resultam em produtos como esse lançamento: únicos e inesquecíveis", diz.

Confira o sgnificado das misturas da Qoy com as ervas:

  • Alfavaca - símbolo de prosperidade e amor traz também consigo a mística de gerar paz e felicidade. Seu nome vem do latim e significa “próprio para a casa de um rei”. Então, nada melhor do que combiná-la com o chocolate caramelo Qoy;

  • Alecrim - muitos povos dizem que ele só floresce no jardim de pessoas justas e piedosas, por isso é considerada uma erva purificadora. Para o alecrim, foi escolhido a pureza do chocolate amargo 60%;

  • Erva cidreira - seu aroma delicado simboliza amor e cura. A erva cidreira é símbolo do sucesso e, combinada com o doce chocolate branco, enche de afeto os corações;

  • Melissa - ela traz em si o encantamento e a calma, ideal para contrabalançar o intenso sabor do chocolate amargo 60%;

  • Hortelã - utilizada para garantir proteção, saúde e liberação, a hortelã é sinal de bons fluidos e símbolo de hospitalidade. É um sabor da alma, assim como o chocolate ao leite;

  • Funcho - liberdade e amizade são poderes conferidos ao funcho, que também é símbolo de simplicidade. Combina perfeitamente com o chocolate ao leite;

  • Capuchinha - ela é símbolo de fidelidade e de energia física. Suas flores brilhantes e ensolaradas harmonizam muito bem com a cremosidade do chocolate branco.

Para quem quer testar novas experiências, pode fazer a receita abaixo, exclusiva para a Encontro:

FreeDigitalPhotos.net
(foto: FreeDigitalPhotos.net)
Bolo aromático Qoy


Ingredientes:

  • 2 ½ xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • ½ colher de chá de sal
  • ½ xícara de cacau em pó
  • 200g de manteiga em temperatura ambiente
  • 1 ½ xícara de açúcar
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 4 ovos
  • 1 xícara de leite integral
  • ¼ xícara de folhas de hortelã
  • 120g de lascas de chocolate meio amargo

Modo de preparo:

Pré aqueça o forno a 180C. Numa panela pequena junte o leite e as folhas de hortelã e leve ao fogo até ferver o leite. Retire do fogo e deixe descansar por 20 minutos e passe por uma peneira para retirar as folhas. Junte a farinha de trigo, o cacau em pó, o sal e o fermento. Na batedeira, bata a manteiga, o açúcar e a essência de baunilha até formar uma pasta. Junte os ovos, um a um, até obter um creme leve. Adicione alternadamente a mistura de farinha e o leite já frio e coado. Misture as lascas de chocolate meio amargo. Despeje a mistura numa forma de bolo untada e enfarinhada. Asse por aproximadamente 45 minutos ou até conseguir colocar um palito no bolo e sair limpo. Sirva fresco com chantilly.

Últimas notícias

Comentários