Alta temporada para as sorveterias

Marcas de BH e redes de fora abrem novas unidades na capital e apostam em novidades e sabores especiais no verão, considerada a melhor estação do ano para o segmento

por Augusto Franco 11/12/2013 12:32

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.


Geraldo Goulart
Raquel Bravo, da franquia mineira Sorvete Salada: 30 pontos de venda e produção de 16 mil picolés por dia (foto: Geraldo Goulart)
 
Os termômetros na casa dos 30° C, comuns nos dias mais quentes do ano, são mais que um convite. São uma convocação. Impossível não pensar em um refresco depois da jornada de trabalho e trânsito infernal. De olho em quem passa apressado pela rua em busca de um refresco, as sorveterias de BH e algumas franquias de fora apostam pesado em novas unidades e sabores mais leves para o verão.

É o caso da Easy Ice, que está mudando sua fábrica da rua Professor Morais, na Savassi, para uma simpática casa na rua Curitiba, no Lourdes. Além dos sorvetes desenvolvidos pelo mestre sorveteiro Frederico Scucato, com preparos como o de limão-capeta, a nova unidade vai oferecer sanduíches leves, crepes e saladas. Com a Casa Easy Ice, a marca passa a contar com quatro unidades na cidade. Além do Lourdes e da Savassi, está no Pátio Savassi e no BH Shopping.
 
Quem também está ampliando o número de cadeiras para seus clientes é a Inventiva Sorveteria, do designer e mestre sorveteiro Carlos Sia. As obras já começaram, e a capacidade de produção deve dobrar até o carnaval. O número de assentos na loja, no Santa Efigênia, deve saltar dos atuais 25 para 50. Entre as criações de Sia, estão o sorvete de chocolate feito com soja – desenvolvido para quem tem intolerância a lactose –, o sorbet de manga, feito com fruta batida, água e pouco açúcar e o curioso sorbet de caipirinha. 
 
Geraldo Goulart
Nicolás Terroba, da premiada Alessa: batida de sorbet de frutas com sucos naturais é aposta para o verão em Belo Horizonte (foto: Geraldo Goulart)
 
 
Vencedora do prêmio de melhor sorveteria da cidade na votação de Encontro Gastrô desde 2008, a Alessa Gelato e Caffè, comandada por Nicolás Terroba, aposta em uma refrescante mistura de sorbet de frutas com sucos naturais, os frutíssimos. Os copos de vitaminas podem ser feitos com 12 sabores, entre eles, o de laranja e pêssego, que pode ser batido com suco de frutas vermelhas ou de manga. Cada copo sai a R$ 24. A loja abriu, em outubro, um quiosque no Pátio Savassi, onde oferece apenas sorvetes e sorbets, e também conta com uma unidade em Búzios (RJ).
 
A aposta da rede mineira Sorvete Salada para a estação são os potinhos para levar. A marca lançou, neste mês, uma linha de potinhos nos sabores banana caramelada, frutas vermelhas com chantilly, chocolate com avelã e pistache. Os potes com 930 ml devem ser comercializados nos mais de mil pontos de vendas da marca na capital e no interior. De acordo com a diretora-executiva da marca, Raquel Bravo, outra novidade para este verão são os picolés de abacate e banana. "São produtos com gosto de fruta batida e congelada, sabor de infância", destaca. A rede produz 16 mil picolés por dia.
 
Três redes de sorveterias de fora do estado também apostam no gosto dos mineiros pelos gelados. Kellen Cunha e Marcos Cunha abriram aqui, em outubro, a primeira loja da baiana  Doce Gelato. Fica no Santo Antônio e oferece 48 sabores (em sistema de self-service) de 215 receitas disponíveis, além dos confeitos. A ideia é ampliar a rede em BH nos próximos meses.
 
Samuel Gê
Kellen Cunha e Marcos Cunha apostam no sucesso da baiana Doce Gelato em BH: frutas do cerrado e do Nordeste para conquistar público mineiro (foto: Samuel Gê)
 
A paulista de Campinas La Basque, reaberta em 2012 na Savassi, depois de um hiato de dois anos, começou a vender em novembro potinhos de 700 ml em 17 sabores. As embalagens estão disponíveis em freezers dos supermercados Mart Plus e na rede de padarias Boníssima, além da loja. A franquia argentina Freddo, que oferece seus gelatos à base de chocolate e doce de leite em um quiosque no Diamond Mall, desde setembro, também tem projetos de expansão em BH. Mas prefere manter os planos em sigilo. Então, é aguardar para ver.
 
Cláudio Cunha
Os irmãos Juliana e Frederico Scucato aceleraram as obras: Casa Easy Ice, no Lourdes, está prevista para ser inaugurada antes do Natal (foto: Cláudio Cunha)
  

Últimas notícias

Comentários