Restaurante Bangkok fecha as portas no Lourdes

Segundo sócio da casa, crise no mercado foi o principal motivo para o encerramento das atividades do premiado estabelecimento de culinária tailandesa de BH

16/10/2014 16:15

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Paulo Márcio/Encontro
O chef Beto Haddad comandava a cozinha do único restaurante especializado na cozinha tailandesa em BH (foto: Paulo Márcio/Encontro)

O até então único restaurante especializado em culinária tailandesa de Belo Horizonte, Bangkok Royal Thai Cuisine, fechou as portas no último final de semana – a casa estava situada à rua Fernandes Tourinho, no bairro de Lourdes, região centro-sul da capital. A Encontro confirmou a informação na tarde desta quinta (16/10), com os sócio-proprietários Beto Haddad, que comandava a cozinha da casa, e Léo Pimenta. Eles ainda tinham como sócio o empresário Geovani Dória.

Há pouco mais de dois meses, o restaurante havia passado por profundas mudanças, na tentativa de reverter uma baixa de movimento observada desde o fim de 2013. Na ocasião, os sócios reformularam serviço e cardápio, apostando em um estilo mais descontraído, com petiscos no lugar de pratos e a presença de DJ's. "Ganhamos prêmios, somos reconhecidos, mas isso não se reverte em público", afirmou o chef Beto Haddad, na época.

"O mercado de gastronomia em BH está muito difícil", explica Léo Pimenta. Ele lembra que chegaram até a pensar em mudar o estilo do restaurante ou apenas o endereço. "Mas não deu certo".

Ao todo, foram três anos e meio apresentando a culinária autêntica com serviço à la carte em BH. Nesse período, a casa chegou a ganhar o prêmio de melhor restaurante na categoria Cozinha do Mundo, pela Encontro Gastrô - O Melhor da Cidade, em 2013. Questionado se os clientes podem ter esperança numa possível reabertura da casa, Léo Pimenta foi enfático: "Em princípio o Bankok está fechado para sempre".

Confira abaixo uma lista de importantes estabelecimentos de BH que também deixaram de existir nos últimos meses:

 

  • Belo Comidaria (comida contemporânea)
  • O Dádiva (comida contemporânea)
  • Esplêndido (comida francesa)
  • The LAB (comida contemporânea)
  • Wari (comida peruana)
  • Bodega 361 (comida argentina)
  • Devassa (cervejaria)
  • Lanikai (petiscos havaianos)
  • A Tasca (comida portuguesa)
  • C'est Si Bon (cozinha francesa, se transformou na pizzaria Leblon)

Últimas notícias

Comentários