Aprenda a fazer dois pratos da cozinha japonesa

Popularmente conhecida por ser saudável, a culinária do Japão tem forte influência dos ingredientes típicos da Ásia, como o peixe, o macarrão e, principalmente, o arroz

21/10/2014 09:43

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Petrônio Amaral/Divulgação
Aprenda a fazer uma robata de salmão com molho light, receita do restaurante Udon, em BH, e que é um prato muito comum no Japão (foto: Petrônio Amaral/Divulgação)
A culinária japonesa sofreu poucas influências ao longo do tempo. Mesmo antes da política de isolamento do país, em 1868, os ingredientes estrangeiros que conseguiam entrar na ilha eram adaptados aos costumes do Japão. Com o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945, os japoneses passaram a ser mais influenciados pelo Ocidente, especialmente o estilo de vida americano.

Mesmo assim, a comida da terra do sol nascente é baseada no arroz branco, que eles chamam de hakumai. Poucos pratos não são acompanhados por esse produto, que também é muito consumido no Brasil, junto com o tradicional feijão. Para os japoneses, além do arroz, os acompanhamentos – chamados de okazu –, podem ser peixes, carnes, especialmente de porco, legumes e conservas, como pepino.

Peixe cru (ou sashimi), um prato frito (robatayaki ou mais conhecido como robata) ou um ingrediente fermentado ou cozido no vapor são os acompanhamentos mais comuns para arroz e sopa. No Brasil é muito comum encontrar os enrolados e os sushis nos restaurantes japoneses, com diferentes inrgedientes: salmão, atum, peixe branco, pepino, manga, queijo etc.

No Japão, o macarrão, que também é uma influência chinesa, é encontrado em duas versões: sobá e udon. Sem glúten, por ser feito com trigo sarraceno, o sobá é fino e escuro. Já o udon, parece com o que consumimos por aqui, com trigo branco, e é mais grosso (parece um talharim). Os japoneses costumam comer a massa com um caldo de peixe, pasta de soja e legumes. Claro que eles também se renderam a outro produto da China: o ramen – ou macarrão instantâneo.

Depois de ficar com água na boca para experimentar a culinária japonesa, que tal aprender duas receitas fáceis, preparadas pelo chef Deivid Martins, do restaurante Udon, de Belo Horizonte?

Anchovas grelhadas com purê de batata, raiz forte e emulsão de shoyu

Ingredientes do purê:

  • 4 batatas inglesas
  • 10 g de wasabi (raiz forte)
  • 50 g de manteiga
  • 20 ml de leite
  • Sal a gosto

Ingredientes da emulsão de shoyu:

  • 1 limão
  • 30 ml de shoyu
  • 10 ml de azeite
  • Uma pitada de sal

Inrgedientes do peixe:

  • 200 g de anchovas (ou outro peixe branco)

Modo de preparo:

Para o purê de batatas, cozinhe as batatas e amasse-as para fazer o purê. Em uma panela coloque a manteiga, sal a gosto e as batatas, mexendo até obter uma massa sólida. Em seguida acrescentar o wasabi e o leite, mexendo por mais 5 minutos. Tempere o peixe com sal a gosto. Em uma frigideira, doure-o dos dois lados e pronto. Para a emulsão de shoyu, misture o limão, shoyo, azeite e sal. Sirva juntamente com o peixe e o purê de batatas.

Robata de salmão com molho light
 
Ingredientes do peixe:

  • 200 g de salmão
  • Hondashi (tempero a base de peixe) a gosto
  • Ajinomoto a gosto
  • Manteiga

Ingredientes do molho light:

  • 100 g de creme de leite natural
  • 100 g de mostarda
  • 100 g de iogurte natural

Modo de preparo:

Tempere o peixe com hondashi e ajinomoto e grelhar. Passe manteiga nos dois lados do peixe e grelhe. Para o molho, misture o creme de leite, a mostarda e o iogurte natural. Coloque em cima do peixe antes de servir. Pode ser consumido com arroz branco.

Onde: Udon
Endereço: rua Gonçalves Dias 1965, Lourdes, Belo Horizonte, MG
Funcionamento: segunda a sexta das 18h à 1h; sábado e domingo das 12h às 16h e das 18h à 1h
Informações: (31) 3243-8005

Últimas notícias

Comentários