Sabia que carne vermelha é uma das maiores fontes de vitamina B12?

Para se ter uma ideia, esse tipo de carne contribui com seis vezes mais vitamina B12 do que o frango e três vezes mais do que as carnes suínas

21/11/2014 15:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
A carne vermelha possui mais vitamina B12 que o frango, o porco e até mesmo ovo, leite e queijo (foto: Pixabay)
Alimento referência quando o assunto é vitamina B12 – usada como fonte de energia pelo corpo –, a carne vermelha pode ser uma boa opção para renovar a vitalidade e para enfrentar com tranquilidade as agitadas tarefas diárias. Além disso, por proporcionar energia ao metabolismo, pode ser uma aliada da disposição na hora dos exercícios físicos. Quando comparada às outras fontes de B12 (alimentos de origem animal, como frango, peixes, ovos e produtos lácteos) a carne vermelha se destaca por oferecer maior quantidade dessa vitamina.

Em média, uma porção de carne vermelha contribui com seis vezes mais vitamina B12 do que o frango e três vezes mais do que as carnes suínas. Em comparação a ovos, leites e queijos, a quantidade também é superior. "A vitamina B12 é essencial para a formação de novas células e incluir a carne vermelha na alimentação ajuda a suprir as necessidades desse nutriente, garantindo mais disposição", diz a nutricionista Cynthia Antonaccio.

A dose ideal de B12 é de 2 microgramas por dia para adulto. Uma porção de carne vermelha fornece mais da metade dessa quantidade. A nutricionista ainda complementa: "Além dos benefícios que a carne traz como fonte de vitamina, o consumo de uma porção diária é recomendado como parte de uma alimentação saudável pela 'pirâmide alimentar brasileira'".

E como recomendação, a especialista finaliza: "a carne, associada a vegetais e cereais, equilibra a refeição, tornando-a mais saborosa e nutritiva. Entretanto, para que aconteça essa entrega, o alimento tem que ter passado por um rigoroso controle de qualidade. Temos bons motivos para inseri-la na alimentação, pois pode fazer a diferença na disposição para as atividades diárias e também na hora da malhação".

Últimas notícias

Comentários