Ter uma horta em casa vai além de um hobby

Cultivo doméstico de hortaliças e legumes melhora a qualidade da alimentação, pode servir como terapia ocupacional e ainda melhora o convívio familiar

por Bruna Sales 29/12/2014 08:33

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Gustavo Moreno/CB/D.A Press
O cultivo domiciliar é prática comum que deve ser difundida. Temperos e algumas hortaliças são fáceis de cuidar e fazem toda a diferença na confecção das receitas (foto: Gustavo Moreno/CB/D.A Press)
Sabemos da importância de uma alimentação composta por legumes, verduras e frutas no nosso dia a dia. Porém, mesmo saudáveis, alimentos naturais comprados em sacolões, na maioria das vezes, são carregados de agrotóxicos que acabam trazendo malefícios à nossa saúde.

Como solução para esse problema, cresce o número de famílias que têm aderido ao cultivo desses alimentos em suas casas, acompanhando de perto a origem do que se planta e consome. Além de melhorar a qualidade da alimentação, o cultivo caseiro de alimentos traz benefícios ao meio ambiente, como a utilização de embalagens pets que servem de vasos de plantas.

De acordo com o engenheiro agrônomo Evandro Lemos, “os alimentos mais comuns cultivados em casas e apartamentos são o manjericão, salsinha, cebolinha, pimentas e algumas hortaliças folhosas, como rúcula e alface”. Evandro destaca também a importância do cultivo como forma de terapia ocupacional. “Além da obtenção de alimentos com menor risco à saúde, o cultivo de pequenas hortas caseiras proporciona prazer e alivia o estresse do dia a dia”, afirma. Não é necessário morar em casa ou um quintal espaçoso, basta dispor de uma varanda arejada em que haja incidência de sol e usar a criatividade na hora de plantar. “Atenção especial deve ser dada à excessiva exposição aos raios solares e à irrigação. As hortaliças, plantas medicinais e condimentares necessitam de um solo sempre úmido, porém não encharcado. Além disso, é importante o fornecimento de luz solar ao longo do dia”, explica o Engenheiro.

O chef de cozinha Leandro Pimenta, do restaurante Casa de Música Gourmet, ressalta a importância da valorização do cultivo caseiro como forma de resgatar valores. “Como o nosso paladar, de uma maneira geral, é construído, o cultivo caseiro nos ajuda a enriquecer nosso paladar. Além disso, proporciona o resgate de alimentos da nossa cultura, que algumas pessoas da nova geração nem sabem que existem”, afirma. Leandro também ressalta outros benefícios do cultivo caseiro. “O plantio doméstico ajuda na sustentabilidade e união familiar. Um neto, por exemplo, que desde pequeno vê seu avô cuidando de um canteiro com tanto carinho, entende a importância que o alimento tem no dia a dia de uma família”, afirma o chef.

Leandro Pimenta completa que o cultivo domiciliar e uma pitada de criatividade ajudam a gastar menos no preparo de pratos fáceis e saborosos como saladas diversificadas ou até servir de complemento em uma receita mais sofisticada como carpaccio de abobrinha grelhada ao pesto de manjericão, por exemplo.

Últimas notícias

Comentários