Estabelecimentos de BH apresentam saborosas opções de sucos

A bebida é uma boa escolha para manter a forma ou simplesmente se refrescar sem álcool durante o verão

por Aline Gonçalves 17/03/2017 14:02

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Denis Medeiros, Gustavo Andrade e Cláudio Cunha/Encontro
(foto: Denis Medeiros, Gustavo Andrade e Cláudio Cunha/Encontro)
Colorido, nutritivo, geladinho e refrescante. Quem não se rende a um saboroso suco durante os dias mais quentes do ano? Preparada tanto com uma fruta típica do período, quanto com as clássicas que sempre têm vez ou em misturinhas que dão muito certo, a bebida encontra diferentes redutos na capital mineira. Uma das referências mais antigas no assunto por aqui, o Projeto Sabor apresenta suas versões de bebidas em três tamanhos, tanto no Santo Bento quando no Belvedere. O bairro no limite com Nova Lima, aliás, congrega vários estabelecimentos do tipo, certamente tendo como alvo também os atletas que correm pelas ruas dali ou frequentam academias na região. São exemplos o Me Gusta, o Mercat e uma unidade do Kiwi Sucos. Outra região de corredores, o Mangabeiras sedia a primeira unidade do Néctar da Serra, que começou como casa de sucos e hoje oferece um mix de produtos saudáveis. No Funcionários, Green Food e Papaya Sucos completam a lista, em detalhes nesta e nas próximas páginas. É só escolher o sabor, o lugar e aplacar o calor.

Sede tem tamanho?

Denis Medeiros/Encontro
(foto: Denis Medeiros/Encontro)
Quem se senta a uma das simpáticas mesinhas do Projeto Sabor, seja no São Bento ou no Belvedere, na varanda ou no salão interno, já sabe o que esperar: atendimento ágil, pratos e lanches saudáveis, além, claro, de sucos naturais. Os garçons explicam cada detalhe, incluindo as opções de acréscimos e os diferentes tamanhos. Fundado há 12 anos, o lugar recebe as frutas ao menos duas vezes por semana e possui opções em polpa. Dá para escolher versões com uma, duas ou três frutas, a gosto, ou combinações pré-montadas, como a que leva uva, cacau e morango (7,90 reais, 300 ml; 9,90 reais, 500 ml; 10,90 reais, 700 ml) e o suco Antigripal, com laranja, acerola, mel, limão e caju (8,90 reais, para 300 ml; 10,50 reais, 500 ml; 12,90 reais, 700 ml). O suco verde, com laranja, abacaxi, couve e gengibre, também está entre os mais pedidos.

Av. Luis Paulo Franco, 466, Belvedere, (31) 2127-2923
Av. Cônsul Antônio Cadar, 127, São Bento, (31) 3342-1373

Navegando em opções

Denis Medeiros/Encontro
(foto: Denis Medeiros/Encontro)
A decoração marítima do Néctar da Serra, no Funcionários e no Mangabeiras, forma o clima perfeito para experimentar um dos mais de 50 sucos da casa, sozinho ou na companhia de salgados e refeições balanceadas. As bebidas, aliás, motivaram a abertura do estabelecimento, em 1993. Ao chegar, dá para fazer o pedido direto no balcão e curtir a varadinha se for o caso de um lanche rápido. Todas as bebidas são feitas com frutas picadas e saem no tamanho de 400 ml. É possível provar sabores únicos ou testar combinações sugeridas, como a que leva rúcula, agrião, brócolis, mel e laranja (10,50 reais) ou o suco energético 5 Pós, com guaraná em pó, extrato de guaraná, catuaba, ginseng, marapuama, noz de cola e abacaxi (13 reais). A casa não trabalha com polpas, apenas frutas frescas ou congeladas. Por isso, sabores sazonais, como tangerina e caqui, podem estar em falta.

R. Santa Rita Durão, 929, Funcionários, (31) 3261-2969
Av. Bandeirantes, 1839, Mangabeiras, (31) 3281-1466

À vista dos clientes

Cláudio Cunha/Encontro
(foto: Cláudio Cunha/Encontro)
Localizado de frente para a simpática pracinha da lagoa Seca, no Belvedere, o Me Gusta é mais famoso pelas refeições leves e balanceadas, mas os sucos também fazem sucesso principalmente entre a turma que corre pelas ruas do bairro. Desde 2009, a casa traz diferentes sabores de bebidas, entre as preparadas com frutas frescas e polpas, além de opções sazonais que ficam anotadas no quadro-negro. Agora, por exemplo, é época da pitaya, que aparece preparada com água de coco e morango (13,10 reais). Menos exótico, mas não menos apetitoso é o suco que leva manga, maracujá e laranja (9,90 reais). Todas as bebidas são servidas em copos de 400 ml. Ao todo, há 28 opções fixas, das quais três entram na linha de detox, muito procurada. De qualquer mesa, o cliente assiste ao preparo, solicitado ao garçom, finalizado atrás do colorido balcão. Além da parte interna e das mesas com ombrelones na calçada, a casa tem um parklet.

R. Juvenal de Melo Senra, 395, Belvedere, (31) 2511-2333

Na onda do mar

Gustavo Andrade/Encontro
(foto: Gustavo Andrade/Encontro)
Em 2014, uma lojinha na Contorno, bem no coração da Savassi, chamou a atenção: era a inauguração da Kiwi Sucos. A franquia surgida em Minas não conta mais com essa loja modelo, mas há três unidades em BH. Recentemente, a marca chegou ao Rio de Janeiro. Em cada loja, tudo remete ao surfe, incluindo as descoladas roupas dos atendentes, que trabalham de bermudas. Pede-se o suco diretamente no balcão. Algumas opções já são a cara da casa, como as que levam Yakult e uma fruta (morango, abacaxi ou maçã; saem a 8,90 reais, os de
330 ml, e 9,90 reais, os de 550 ml). Boa parte dos sucos é 100% fruta, ou seja, integrais, sem adição de água ou uso de polpas. Como alguns ficam densos, a casa tem canudos mais largos. Para garantir o frescor, as lojas de BH recebem frutas todos os dias.

R. Pernambuco, 1.102, Funcionários, (31) 3261-4134
Av. Luiz Paulo Franco, 466 (lj.4), Belvedere, (31) 3519-6297

Dá para levar

Gustavo Andrade/Encontro
(foto: Gustavo Andrade/Encontro)
Pressa não é desculpa para uma vida pouco saudável. Os frequentadores do Mercat, no Belvedere, sabem disso. Se não tiverem tempo para esperar o suco, pedido diretamente no balcão, ficar pronto, eles podem pegar as opções do dia em uma geladeira na entrada do pequeno estabelecimento. No cardápio, destaque para os 10 sucos assinados por diferentes nutricionistas da cidade, como o que leva o nome de Nat Tancredo e é feito com água de coco, abacaxi, pepino, maçã verde, chia, hortelã, gengibre e limão. O suco verde da casa, com couve, laranja e gengibre, também está entre os mais pedidos. As opções de 500 ml saem a 8 reais, enquanto as de 300 ml custam
7 reais.  As frutas chegam diariamente à casa e todas as opções são sem água (preparados com água de coco, chá ou laranja). Aos que estiverem com tempo, o local dá opção de escolher os insumos e criar uma nova receita.

Av. Luiz Paulo Franco, 445, Belvedere, (31) 3227-8844

Ponto eclético

Gláucia Rodrigues/Encontro
(foto: Gláucia Rodrigues/Encontro)
Há cinco anos, a Papaya Sucos traz opções refrescantes aos clientes. Agora em frente a um cursinho pré-vestibular e próxima a escolas de línguas, a casa tem um público eclético, com muitos jovens e adolescentes que disputam as mesinhas descoladas. A casa não trabalha com polpa. Para garantir tudo fresco, o fornecimento das frutas é diário e elas são picadas várias vezes ao dia, sendo usadas também no preparo das saladas de fruta. A única fruta congelada normalmente é o morango. As sete opções pré-combinadas são as prediletas entre o público, a exemplo do Detox Green (gelo verde preparado com couve e hortelã, abacaxi, maçã, limão e gengibre); o Beta C, com gelo rosa (beterraba), laranja, morango e cenoura; além do Xô, Celulite, com abacaxi, melão, linhaça e hortelã.
Os três custam 8 reais (300 ml) ou 10 reais (500 ml) cada um. Se preferir, o cliente pode misturar frutas a gosto e incluir itens como chia, gengibre e mel.

R. Alagoas, 752, Funcionários, (31) 3227-8083

Garrafinha, jarra ou copo

Cláudio Cunha/Encontro
(foto: Cláudio Cunha/Encontro)
Desde 2015, quando abriu as portas no Funcionários, o Green Food traz uma boa gama de opções de sucos, tanto para consumir por ali mesmo quanto para levar em garrafas de 300 ml. Além da versão no copo (400 ml), uma boa pedida são as jarras de 1 litro, para partilhar. Ao todo, são seis sucos funcionais e outros seis naturais com uma fruta só. Mas quem quiser mesclar os produtos pode pedir aos garçons ou incluir itens, como gengibre. Fazem sucesso entre os jovens empreendedores e trabalhadores da região que frequentam o espaço o Aumenta Imunidade, com laranja, acerola, castanha-do-pará e morango; e o Antioxidante, com polpa de açaí, morango e goji berry (garrafa a 7 reais; copo a 8 reais; e jarra a 15 reais, cada um). As frutas frescas que chegam diariamente são a preferência, mas a casa utiliza polpas quando o item não é da estação.

R. Fernandes Tourinho, 137, Funcionários, (31) 3566-7111

Últimas notícias

Comentários