Encontro Indica 1

por João Pombo Barile 12/05/2011 17:27

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação e Tiago Nunes
None (foto: Divulgação e Tiago Nunes)

Dança - Espetáculo

 

A companhia de dança italiana Kataklò Athletic Dance Theatre volta a Belo Horizonte depois de sete anos. O espetáculo Play (foto), em turnê por 12 cidades do Brasil, terá única apresentação dia 12 de maio, às 21h, no Grande Teatro do Palácio das Artes (av. Afonso Pena, 1.537, centro). Os ingressos custam R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia-entrada para estudantes e maiores de 60 anos). A trupe de oito bailarinos-atletas, ex-campeões olímpicos, é dirigida por Giulia Staccioli, fundadora do grupo e mente criadora de todos os seus trabalhos.

 

Por que ir: Os dançarinos da companhia encantam o público com movimentos que aliam leveza e luminosidade.

 

 

 

 

Exposição - Dinossauro

 

Até 29 de maio, um ótimo programa para a garotada é visitar a exposição Dinossauros da Patagônia no BH Shopping. Na mostra são exibidas 10 réplicas de fósseis dos pré-históricos dinossauros, encontrados na região da Patagônia e que viveram nos períodos cretáceo, jurássico e triássico. As escolas interessadas também podem levar seus alunos: para agendar a visita devem se informar pelo telefone (31) 3228-4212 ou no site www.bhshopping.com.br.
A entrada é franca.

 

Por que ir: A mostra impressionou o público de todas as cidades brasileiras por onde passou, pelo realismo das réplicas.

 

 

 

 

Música - Show

 

O ex-Creedence Clearwater Revival, o músico John Fogerty (foto), apresenta-se pela primeira vez na capital mineira, também neste mês. Ele tocará dia 7 de maio, às 22h, no Chevrolet Hall (av. Nossa Senhora do Carmo, 230, Savassi). O público vai poder ouvir canções como Have You Ever Seen the Rain, Proud Mary, Fortunate Son e Born On the Bayou na voz e na guitarra de quem marcou época à frente da banda. Os ingressos custam entre R$ 70 e R$ 220.

 

Por que ir:  Uma ótima chance para relembrar os grandes sucessos que embalaram milhões de pessoas nos anos 1960 e 1970.

 

 

 

Exposição - Artes Plásticas

 

Duas exposições, na Casa Fiat de Cultura (rua Jornalista Djalma Andrade 1250,  Belvedere), prometem agitar o mês: Olhar e Ser Visto – A Figura Humana da Renascença ao Contemporâneo e Tarsila e o Brasil dos Modernistas. A primeira tem a curadoria de Teixeira Coelho (do Museu de Arte de São Paulo/Masp) e é uma síntese do gênero mais consistente da coleção do museu – o retrato –, compreendendo um período que se estende desde o final do século XIV até os dias atuais. A mostra conta com 40 exemplares do acervo. Já a segunda mostra tem como ponto de partida a obra de Tarsila do Amaral (na foto, o óleo sobre tela Floresta). A partir dela, a curadoria selecionou um conjunto de 140 obras de mestres do modernismo como Goeldi, Guignard e  Flávio de Carvalho. A entrada é gratuita.

 

Por que ir:  Excelente oportunidade de conhecer uma parte significativa do acervo do Masp e algumas importantes obras do nosso modernismo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Literatura - Romance

 

Poltrona 27 é o nome do livro que o escritor e jornalista mineiro Carlos Herculano Lopes (foto) acaba de lançar pela editora Record. Em seu novo romance, ele relata algumas das histórias que ouviu ao longo de sete anos nas viagens de ônibus de Belo Horizonte até Coluna, a 360 km de BH, no Vale do Rio Doce. Neste ir e vir constante da capital mineira até sua cidade natal, Herculano mergulha nas histórias de sua gente e escreve um belo livro.

 

Por que ler: Com 13 livros publicados, entre romances, contos e volumes de crônicas, Herculano é considerado um dos grandes talentos da sua geração.

Últimas notícias

Comentários