Tem de proibir

por Simone Dutra 06/10/2011 13:57

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Juliana Flister - EM/DA Press
Caminhão betoneira esmaga carro estacionado em frente ao Shopping São Bento (foto: Juliana Flister - EM/DA Press)

Felizmente foi apenas um grande susto, mas poderia ter sido uma tragédia. O bairro São Bento, na região centro-sul de Belo Horizonte, um típico bairro de classe média-alta, foi cenário de um acidente envolvendo um caminhão desgovernado, que atingiu quatro carros. Ele descia a rua Professora Iracema Pimenta quando o motorista teria perdido a direção devido a problemas nos freios do veículo.

 

O caminhão atingiu um carro e tombou sobre outros três, na avenida Cônsul Antônio Cadar, a mais movimentada do bairro. O fato aconteceu bem em frente ao shopping que leva o nome do bairro. Por sorte, ninguém ficou ferido.

 

Depois do ocorrido, moradores e comerciantes da região passaram a exigir providências mais enérgicas para proibir o tráfego de veículos pesados nas ruas íngremes do bairro. “Vamos fazer uma reunião na igreja São Bento, no inicio deste mês, com moradores, a BHTrans, vereadores e deputados, para evitar que outros desastres ocorram”, afirma a proprietária do restaurante Verdinho, Soraia Teixeira – o restaurante, por sinal, por pouco não foi alcançado pela betoneira desgovernada.

 

Quem passava pelo local após o incidente ficou chocado quando viu o Siena literalmente esmagado pelo caminhão. Uma câmera instalada em uma das lojas flagrou o exato momento em que a betoneira esmaga o carro minutos depois de a motorista, que estava grávida, deixar o carro. As cenas impressionantes podem ser assistidas no site da Encontro (www.revistaencontro.com.br).

 

Para o engenheiro de produção Marco Antônio Ferreira, que por muito pouco não teve seu carro atingido, o motorista do caminhão evitou uma verdadeira tragédia. “Ele foi muito habilidoso, pois se tivesse descido diretamente, poderia ter invadido algum estabelecimento”, afirma.

 

Sorte de todos. Mas fica o recado.

 

Assista ao vídeo:

 

Últimas notícias

Comentários