Na sociedade 7

por Paulo Navarro 20/12/2011 12:42

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Verão em Trancoso

 

Os preços na bola da vez – Trancoso, Bahia – para o final do ano estão pela hora da morte. O mais exorbitante é da Estrela d’Água, que não tem mais quartos disponíveis e cobra R$ 44 mil por uma semana, para duas pessoas, no Réveillon. Na internet, pousadas “normais” oferecem “últimos quartos”, para sete diárias, variando de R$ 4 mil a R$ 11 mil. Numa praia, a um quilômetro ao norte do Quadrado, casas são alugadas, em média, por R$ 200 mil a temporada de 10 dias. Os valores das tendas e lounges alugados nas praias, com direito a comes e bebes, também são coisa de paulista que só valoriza o que é caro.

 

“Café com leite” em Trancoso

 

Neste cenário, mineiros com sotaque paulista fazem a folia da virada mais badalada do jet set no Brasil. A locomotiva social itinerante de Henrique Alves Pinto atraca nas terras de Cabral, em caravana chique e descolada, para a contagem regressiva na praia Itaquena – selvagem e isolada, entre Trancoso e a praia do Espelho. Um festão para mil pessoas, à base de champanhe e DJs. Aécio Neves não perde uma! Depois do Rio, Angra dos Reis e Punta del Este, é para lá que os ventos de Henrique sopram.

 

Txai em Trancoso

 

Trancoso também é o novo endereço do super sofisticado Txai Resort, como nos revela José Romeu Ferraz Neto, diretor da RFM e do Txai Itacaré (ninho de amor de Carla Bruni e Sarkozy), sempre no éden baiano, e do Txai Florianópolis, na praia Ponta dos Ganchos. O de Trancoso será construído em 70 mil m², dentro do condomínio Terra Vista Golf, com 50 bangalôs (a partir de R$ 650 mil) e 19 residenciais. Inauguração em dezembro de 2014.

 

Fãs de Trancoso

 

Sobre o mercado imobiliário de Trancoso, Ferraz Neto comenta que, até 2008, os maiores clientes eram estrangeiros, sobretudo europeus. “Com a crise, o mercado foi se transformando e hoje o grande comprador é brasileiro, principalmente de São Paulo, Rio, Minas e Brasília”. O empreendedor garante que os preços estão bem atraentes, nada inflacionados. “A ocupação de Trancoso é interessante, pois seu comprador é diferenciado, gosta de natureza e tranquilidade. Como as leis ambientais de lá são muito rigorosas, os empreendimentos são pouco adensados, e isso favorece sua qualidade”.

 

Ringo e o picadinho

 

O restaurateur Fernando Areco Motta, à frente do A Favorita, celebrou seus 60 anos com a amada Amanda, em Paris. Mas o presente ele ganhou em BH do amigo inglês, o ator Mike Wade, que estava na turnê de Ringo Starr. Mike brindou o casal com o show e camarins de Ringo. Motta e Amanda foram recebidos assim: “Oi, eu sou Ringo Starr”. No que Motta devolveu: “Estou esperando por isso há 40 anos”. E Ringo brincou: “Eu também”. Na esteira, Ringo quis saber sobre Tiradentes: “É verdade que ele foi “chopped” (picadinho)? Isto porque, subindo a Afonso Pena para o show, o Beatle deu de cara com a estátua do homem e reparou suas mãos amarradas, conectadas ao corpo. Vejam bem o que chama a atenção de um turista em BH!

 

“Yeah, yeah, yeah”: os fãs Fernando Areco Motta e Mike Wade, com o ídolo Beatle, Ringo Starr, nos camarins do Chevrolet Hall
 

 

Ringo e os impostos

 

Motta explicou que a estátua é do herói preso, antes de ser enforcado, esquartejado e ter seus membros espalhados por cidades de Minas. Tudo porque não queria pagar impostos aos portugueses, donos da eterna colônia. Ringo ficou ressabiado: ele mesmo não mora na Inglaterra para fugir dos exorbitantes impostos. Inclusive, os Beatles têm famosa canção sobre um cobrador de impostos (Taxman) que diz: “Te dou uma libra e fico com 99 pra mim”.

 

Sport total

 

A Aethra desenvolve e fornece produtos, serviços e tecnologia para automóveis, inclusive para a Fiat, daí ter sido uma das patrocinadoras do concerto do tenor italiano Andrea Bocelli, na Praça da Estação, comemorando os 35 anos da Fiat em Minas. Lá, conversamos com o vice-presidente da Aethra, o mineiro Rafael Sportelli, que comprou participação na ART Grand Prix – a equipe mais importante da GP2 –, onde tem outros três sócios: Nicholas Todd, também empresário dos pilotos Felipe Massa e Pastor Maldonado; o príncipe do Bahrein, Salman bin Hamad Al Khalifa; e Frederic Vasseur. A ART, que disputa as categorias GP2, GP3 e a Fórmula Renault, é a única estrutura atual capaz de levar o piloto do kart à Fórmula 1.

 

Rafael Sportelli e sua linda namorada, Norah Lapertosa, nos bastidores VIP de Andrea Bocelli, em BH
 

 

Sport espetacular

 

Sobre a crise, Sportelli pontua: “A propaganda de cigarros foi proibida. Aí veio a crise, mas a gente se adapta. Ainda assim, o único lugar no mundo onde se ganha dinheiro com automobilismo é a Europa. O que falta no Brasil é visibilidade. As corridas não são televisionadas, o que dificulta o patrocínio”. E o futuro do jovem piloto brasileiro? “Incerto, mas faço o que posso. Busco novos talentos. Meu sonho é que o domingo volte a ser um dia de corrida”. Sportelli acredita em Bruno Senna, Lucas di Grassi (piloto de teste da Pirelli e futuro piloto de teste dos karts da ART GP em 2012) e em Clemente de Faria Júnior. A ART Grand Prix é patrocinada pela Richard Mille, Lotus e Arcapta. Assim, o empresário continua sonhando em ter sua própria equipe de F-1.

 

Em noite borbulhante na 68 La Pizzeria, o francês Renaud Butel, da Veuve Clicquot, recepcionado pelos sócios da casa, Lilian Mesquita e Wagner Gonçalves
 

 

Lições da leoa

 

Quase duas décadas depois de Na Sala com Danuza, Danuza Leão, 78 anos, dá aula de desafetação em seu oitavo livro, É Tudo Tão Simples. Segundo ela, não é um guia, mesmo que o livro pareça uma atualização do manual de boas maneiras em tempos de redes sociais e celulares. Uma de suas dicas – “para o que você inventar que deve ser festejado” – é sempre ter uma garrafa de gim, “como a mãe da rainha da Inglaterra, que mantinha uma debaixo da cama e morreu aos 101 anos”. Danuza imagina que, no futuro, todo mundo deverá tomar umas doses antes do almoço. E cita Humphrey Bogart: “A humanidade está sempre três drinques atrasada”.

 

À mesa com a leoa

 

Lembramos de antigas pérolas leoninas, sempre atuais: “Você deve levar em consideração o outro. Nunca pensar só em você mesmo. Porque essa história de comer com o garfo certo se aprende, mas não tem a menor importância.” E mais: na sua idade, não se permite sentar em mesa com mais de seis pessoas, pois “cheira a churrascaria” – o diálogo não flui e as pessoas não confraternizam.

 

Sucesso no Minas Trend Preview, a estilista e empresária Patrícia Motta com sua irmã, Eliane Motta, casada com Constantino Júnior
 

 

Paulo Navarro, com Walter Navarro e Sabrina Santos

Últimas notícias

Comentários