Retratos da cidade 8

por Simone Dutra 09/01/2012 11:39

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Maíra Vieira, Geraldo Goulart
None (foto: Maíra Vieira, Geraldo Goulart)

Jardim Japonês

 

Quem gosta de fotografar encontra na capital de Minas lugares, monumentos e paisagens de encher os olhos. O Jardim Zoológico, na avenida Otacílio Negrão de Lima, na Pampulha, por exemplo, é um destes locais que merecem ser registrados. Além de espécies raras de animais, o visitante pode ver também um jardim japonês, montado há três anos, e que acabou de ganhar o concurso Cidade Jardim 2011, da Prefeitura de Belo Horizonte. Nos 5 mil metros quadrados de área verde do jardim não faltam lago com carpas coloridas, cascatas artificiais, aves asiáticas e até a Sukiya (casa de chá). As visitas podem ser feitas de quarta-feira a domingo, das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30.

 

 

 

A cruz da catedral

 

De longe dá para avistar a enorme cruz instalada no terreno onde será construída a Catedral Cristo Rei. Durante a noite, ela fica iluminada e ainda mais bonita. Instalado em um terreno da avenida Cristiano Machado, no bairro Juliana, o símbolo cristão tem medidas grandiosas: 20 metros de altura e 7 toneladas de peso. Apesar de ter sido feita uma fundação para recebê-la, a cruz está em posição provisória: “Ela foi instalada na ponta do terreno para ser vista de longe e chamar a atenção das pessoas que passam por lá”, diz o professor Rômulo Albertini Rigueira, diretor de infraestrutura da obra. A nova catedral tem projeto assinado pelo arquiteto Oscar Niemeyer e vai custar algo próximo a R$ 100 milhões, a serem arrecadados pela Arquidiocese de BH por meio de doações. Não há previsão de início das obras. “Estamos sonhando que ela fique pronta até 2014”, afirma o arcebispo metropolitano, Dom Walmor Oliveira de Azevedo.

 

 

 

Barão restaurado

 

A centenária Escola Estadual Barão do Rio Branco, que funciona há anos na avenida Getúlio Vargas, está agora na rua Pernambuco, no Funcionários, bem ao lado do instituto de Educação. Mas a mudança é temporária. É só enquanto o antigo prédio passa por uma grande reforma, que deve estar concluída em 2013, justo quando a edificação completa 100 anos. A escola foi a primeira instituição pública de ensino da capital, fundada em 1906. A primeira sede fica na avenida João Pinheiro, onde hoje funciona a Escola Estadual Afonso Pena. “Quando voltarmos ao nosso prédio, os alunos terão muitas novidades, como novos laboratórios, acesso para os deficientes e quadra esportiva, entre outras”, conta Carlos Henrique Alves da Silva, diretor há cinco anos.

 

 

 

Presépio gigante

 

Não há nada de mais em encontrar os tradicionais presépios montados em vários lugares, nesta época do ano. Mas na Comunidade Missionária Villaregia, no bairro Betânia, as imagens – na verdade estátuas que medem um metro de altura, produzidas na Itália - ganharam um sentido diferente: foram dispostas em uma sala de maneira que os visitantes possam caminhar entre elas. Por isso, este ano, recebeu título sugestivo: Ele está no meio de nós. O detalhe é que o menino Jesus só será colocado na manjedoura na noite de Natal, exatamente à meia-noite. “Vamos juntar todos os membros da comunidade local para fazermos nossa oração em volta da manjedoura”, afirma a missionária Juana Gorritti, peruana que há quatro anos mora em Belo Horizonte.

Últimas notícias

Comentários