Esquentando os tamborins

14/11/2012 11:15

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Vinícius Matos, Maria Tereza Correia/EM/D.A. Press
Maria Helena Cadar entre algumas peças de sua coleção de luxuosas fantasias (foto: Vinícius Matos, Maria Tereza Correia/EM/D.A. Press)

O carnaval ainda está longe, mas para Maria Helena Cadar a emoção já é grande. Ano que vem ela comemora 10 anos como destaque no Salgueiro e 23 desfilando na ‘vermelho e branco’ da Tijuca. “É sempre uma grande emoção”, orgulha-se a mulher do empresário Emir Cadar. “Cada desfile é sempre uma novidade. Do enredo à fantasia. É como se a cada ano eu estivesse lendo um novo livro”, comenta ela, que só no final deste mês terá em mãos o croqui com o desenho de sua fantasia. Os desafios de um destaque são muitos. E Maria Helena encara todos numa boa. Já carregou fantasia com quase 30 kg (Oxalá, do carnaval de 2009) e ficou literalmente nas alturas em 2010. “O carro tinha 9 m de altura”, diz ela, que está curiosa para ver o que a espera no ano que vem. “Só sei que o tema do desfile é fama, mas, pelo que já ouvi, a escola irá muito bonita na avenida”. Para quem é apaixonado pelo carnaval como Maria Helena Cadar, é possível conhecer em Belo Horizonte um pouco da história dos desfiles do Salgueiro. Cuidadosa, Maria Helena montou um pequeno museu com todas as suas fantasias. O espaço funciona ao lado do escritório da Cadar Engenharia e pode ser visitado em horário comercial.

 

Ângela Dariva terá a companhia do marido, Marco Túlio Lara, em sua estreia na Sapucaí: Rock in Rio será homenageado pela Mocidade de Padre Miguel
 
 

A primeira vez

 

Quem também não vê a hora de o carnaval chegar é Ângela Dariva, mulher do guitarrista do Jota Quest, Marco Túlio Lara. O músico foi convidado para integrar um dos carros que fará homenagem à guitarra no enredo Eu Vou de Mocidade com Samba e Rock in Rio: Por um Mundo Melhor, da Mocidade Independente de Padre Miguel. Ângela não esconde o entusiasmo: “Sempre quis sair numa escola de samba, mas, na adolescência, morava em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Depois de casada, sempre viajávamos no feriado de carnaval”, lembra.
O convite para a estreia de Ângela na Sapucaí veio com uma forcinha do marido. Marco Túlio só aceitou desfilar com uma condição: que pudesse levar a mulher. “Este mês vou conhecer a sede da escola, que inaugurou uma quadra de ensaios para 12 mil pessoas”, diz ela, superentusiasmada. Para não fazer feio na avenida, Ângela já contratou uma professora para ensiná-la a sambar.

 

Presépios para todo lado

 

Com o Natal chegando, é hora de preparar os presépios. A grande novidade deste ano é o trabalho de artesãos reunindo imagens em tamanho natural, que será montado no terreno da Catedral Cristo Rei, na avenida Cristiano Machado, altura do bairro Juliana, na região Nordeste de BH. Até o fim de novembro o presépio deve estar aberto à visitação. Em dezembro serão realizadas novenas. Já na Serra da Piedade, também em novembro, será aberta a mostra reunindo presépios de vários tamanhos, de várias partes do mundo.

 

Marisa multimídia

 

Mesmo com ingressos com preço de inteira bem salgados, variando de R$ 220 a R$ 280, as apresentações de Marisa Monte, no fim do mês, no Palácio das Artes, prometem casa cheia em quatro noites. Uma delas foi aberta como extra. Verdade uma Ilusão, sétima turnê da carreira de Marisa Monte e a primeira desde 2007, não deve decepcionar os fãs que, além dos sucessos e músicas do recente O Que Você Quer Saber de Verdade, vão poder curtir verdadeiro show de som e luz. Só para se ter uma ideia, o aparato técnico ultrapassa uma tonelada. Tudo de acordo com Marisa Monte, que define seu show como uma experiência multimídia, não como experiência sonora: “A parte visual está a serviço da música e serve para potencializar o sentido das canções.”

 

Só em março

 

Boa notícia para a cidade é a confirmação da inauguração do teatro do Minas Tênis Clube, dia 30 de novembro, com a solenidade de entrega do Escudo de Ouro do Mérito Minastenista. O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, é presença confirmada na cerimônia e será um dos homenageados da noite, ao lado do presidente da Vivo, Antonio Carlos Valente, e do presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco Cappi. Ainda na lista de homenageados estão o ex-nadador minastenista e atual secretário-adjunto de Estado de Esportes e da Juventude, Rogério Romero, distinguido com o Diploma Atleta Ouro. Já ao ex-tenista Daniel Melo será concedido o Diploma de Atleta Emérito, por nunca ter se transferido para outro clube. O Escudo de Ouro será entregue ao colaborador Marcelo Aquino, coordenador de Formação Esportiva, que tem 34 anos de casa. A expectativa é de que a programação de espetáculos só comece a partir do ano que vem. Até lá, uma série de eventos do MTC servirão de teste para os acertos finais.
 

Últimas notícias

Comentários