Encontro marcado

por Blima Bracher 03/04/2013 15:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Samuel Gê
(foto: Samuel Gê)

Eles estão correndo contra o tempo para abrir as portas ainda este mês. O empresário Francis Dias, o barman Filipe Brasil (que assina as cartas de casas como O Dádiva, Mambo Drinqueria e Pellegrino), o chef André Pinheiro e o publicitário e piloto Lucca Paulinelli unem esforços para a inauguração do Meet Me, novo endereço que promete agitar o cenário cultural e gastronômico de Lourdes. O cardápio, assinado pelo chef Kiki Ferrari, traz uma fusão de cozinhas do Pacífico: “Desde os ceviches do Peru, passando pelo México, cozinha tex mex, até chegar ao outro lado do Pacífico, nas culinárias vietnamita, chinesa e coreana”, diz Filipe Brasil. Os coquetéis contemplam desde a clássica coquetelaria à linha mais moderna, com insumos próprios. A casa traz ainda um mix de música, fliperama e filmes para os amantes da sétima arte.

 

Leo Araújo
(foto: Leo Araújo)

 

Jus ao nome

 

Como o próprio nome diz, o Plural Coffee Bar, instalado no coração do Prado, é um espaço com múltiplas opções. Na cafeteria, os blends são selecionados pela Academia do Café. Além dos grãos diferenciados, destaque para os frozencoffees – versões geladas da bebida que é a cara do Brasil. No almoço, são mais de 30 opções de pratos executivos, nova aposta do proprietário Rogério Trindade. O já tradicional happy hour continua badalado, com porções de carnes nobres e rodada dupla do chope Heineken às segundas e terças-feiras.

 

João Carlos Martins
(foto: João Carlos Martins)

 

Gastronomia e cultura

 

A tradição gastrocultural do bairro Santo Antônio foi revisitada com o projeto Noites Tropifágicas do The L.A.B Gastronomia. Às terças-feiras, o chef-proprietário Leandro Pimenta convida artistas, fotógrafos, chefs e músicos para agitar a casa. A proposta está inserida no slogan que resume o conceito do restaurante: love, art and beauty gastronomia. Já a tradução literal da sigla, “o laboratório”, tem um porquê, diz Pimenta: “Na gastronomia é preciso ter um sentimento que una o experimento ao produto final, e o que nos baliza é o amor, a arte e a beleza”. O menu é baseado na culinária brasileira, sempre com influências de diversas partes do mundo. O terrine de foie gras com jabuticaba, nuvem de castanha-do-pará e gelatina de sauternes (R$ 42), por exemplo, tem sotaque francês e ingredientes regionais.

 

João Carlos Martins
(foto: João Carlos Martins)

 

 

 

 

 

 

Para glutões refinados

 

A casa muda o menu todo mês, oferecendo sempre quatro opções de amuse-gueules (petiscos), quatro entradas, quatro pratos principais e duas sobremesas. O dono do recém-inaugurado Glouton é o talentoso Leo Paixão, que já foi chef-consultor do celebrado Taste-Vin. “A proposta é a bistronomia: comida francesa com cara de bistrô, preço justo, pratos autorais, produtos muito frescos e serviço sem pompa”, diz o modesto Leo. “Acho que hoje a gastronomia faz parte da vida, e os clientes não querem comer bem somente em ocasiões especiais.” Entre outras delícias, ele sugere os filés de trilha grelhados com amêndoas, tapenade e purê de ervilha.

 

Paulo Márcio
(foto: Paulo Márcio)

 

 

 

 

 

Bufê balanceado

 

O chef Marcos Martins Neto resolveu unir seus conhecimentos aos da nutricionista Letícia Rossi. A dupla apostou no Bon Gusto, requintada casa no Vila da Serra. “A região era carente de um restaurante com acomodações confortáveis, cardápio diferenciado e controle de qualidade do início ao fim da produção”, diz Marcos. Os carros-chefe são os grelhados e a grande opção de saladas. Os doces são produzidos por um confeiteiro, diariamente. O preço do bufê, de segunda a sexta, é R$ 39,90 (kg, prato salgado) e R$ 40,90 (kg,sobremesa). Aos fins de semana, R$ 42,90 (kg, salgado) e R$ 43,90 (kg, sobremesa). 

Últimas notícias

Comentários