Blogueiras como inspiração

09/01/2014 15:20

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.


Arquivo pessoal
(foto: Arquivo pessoal)

Morando na Cidade do Panamá (Panamá) há pouco mais de dois anos, a jornalista mineira Raquel Bellini se prepara para estrear na programação da Telemetro, maior canal de televisão daquele país. A partir de janeiro, a morena dará dicas de moda, beleza e entretenimento em programetes veiculados pela grade da emissora. "As panamenhas são lindíssimas, mas recatadas. Vou tentar mostrar que dá para manter o estilo, porém com um pouco mais de criatividade", diz. Impulsionada pela similaridade da terra panamenha com o Brasil, "que extrapola as belezas naturais", Raquel se inspirou nos vídeos de blogueiras brasileiras como Julia Petit e Thássia Naves para gravar seus programas. "Aqui, o formato de conversa informal é inédito. Tenho certeza de que as panamenhas vão adorar interagir", aposta.

Fernando Trancoso/Divulgação
(foto: Fernando Trancoso/Divulgação)

Igual mas independente

"Na vida, tudo tem começo, meio e fim. Por isso, resolvi trilhar outros caminhos." Foi assim, por meio de sua conta no Facebook, que o DJ Carlo Dee comunicou seu desligamento da Best, produtora de eventos de BH da qual fazia parte havia mais de três anos. Conhecido por ser o favorito das noivas para sonorizar seus casamentos – só em 2013 foram quase 50 recepções –, Carlo optou por despedir-se da empresa de Benito Porcaro e Cristiano Franco por dedicação ao trabalho. "Quero ter mais tempo para os noivos que me contratam. Quero entender o sonho da pessoa, conhecer a família", diz. A partir de agora, os pombinhos que quiserem os serviços – e a amizade – de Carlo devem entrar em contato diretamente com ele. Mas para 2014, avisa, não tem mais agenda.

Fernando Trancoso/Divulgação
(foto: Fernando Trancoso/Divulgação)

Do tapete à prancha

Foi por acaso que a atleta Bianca Guimarães trouxe o SUP ioga para o Brasil. Vice-campeã mundial de stand-up paddle, esporte de remo sob prancha, a moça resolveu mesclar a sua performance a movimentos de ioga e acabou sendo percursora da modalidade por aqui. "Comecei a pesquisar e vi que o SUP ioga era pouco difundido no Brasil. Levei adiante e acabei trocando o tapete pela prancha, definitivamente", diz. Hoje, a belo-horizontina virou referência nacional quando o assunto é o "ioga flutuante" e prepara-se para gravar o piloto de um programa sobre o assunto para um canal pago. Enquanto não ganha o Brasil, ainda é possível conferir o desempenho (e as medidas invejáveis) da loirinha, todos os fins de semana, na lagoa dos Ingleses, onde a atleta mantém um espaçoso trailer de três quartos.

Leandro Silva/Divulgação
(foto: Leandro Silva/Divulgação)

Sem perder o rebolado

Foi por pouco que a betinense Camila Silva, de 19 anos, não estreou as tradicionais vinhetas carnavalescas da Rede Globo com o corpo coberto por glitter. A mulata, que por reles 3% de diferença no júri popular perdeu o título de Globeleza, confessa ter se surpreendido com o resultado. "Na hora, fiquei decepcionada, não por ter certeza de que ganharia, mas por ter me dedicado muito", diz. Apesar do desapontamento, a dançarina deixou os estúdios da emissora disposta a colher os frutos do segundo lugar. "Estou estudando propostas para desfilar em escolas de samba cariocas e  também devo estrelar algo fixo na tevê, mas ainda é segredo"  – desconversa a bela de 1,73 metro de altura e 59 quilos bem distribuídos.

Mega Model BH/Divulgação
(foto: Mega Model BH/Divulgação)

No divã de Tereza

Tereza Brant, de 20 anos, ficou famosa por ter se transformado em menino graças à ajuda de hormônios, roupas masculinas e cabelo curtinho. Arrebanhou milhares de fãs – principalmente do sexo feminino –, assinou contrato com uma agência de modelos e ganhou até um selinho da apresentadora Sabrina Sato. A última da mineira é que ela acaba de adentrar o mundo virtual e lançou o blog "Ela ou Ele". Na companhia de sua melhor amiga, Isabella Ferreira, passou a dar pitacos sobre comportamento. "Propomos assuntos polêmicos estilo 'guerra dos sexos' e eu, claro, represento o lado dos homens", explica. Apesar da fase blogueira, Tereza jura que não vai se render aos famosos looks do dia e muito menos aos tutoriais de maquiagem. "Deixo essas coisas de mulherzinha para a Isabella", dispara. 

Últimas notícias

Comentários