Lembrou-se do pet?

Para quem vai viajar nas férias e deixar seu cão ou gato, elaboramos um guia de hoteizinhos em BH. O melhor é reservar com antecedência

por Daniela Costa 20/11/2015 17:10

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Samuel Gê/Encontro
O engenheiro Thiago Marandola Lemos com o doberman Apollo, na área de recreação do hotel: "Deixá-lo com profissionais me dá liberdade de viajar quando quero" (foto: Samuel Gê/Encontro)

As férias estão chegando e você já reservou hotel, comprou as passagens, pesquisou sobre os pontos turísticos da cidade para a qual vai viajar, mas falta um detalhe importante: onde ficará seu animal de estimação no período? Muitas pessoas deixam para tomar essa decisão na última hora, o que representa um risco à saúde e bem-estar dos pets - e à tranquilidade do dono.

Ao serem retirados de casa, além de sofrer com a saudade, os xodós têm de se adaptar a um ambiente estranho, o que gera ansiedade, tristeza e medo, especialmente nos gatos, que são extremamente territorialistas. "Os felinos são muito sensíveis a qualquer tipo de mudança, inclusive de alimentação, e podem apresentar vários problemas de saúde como consequência", explica a veterinária Bárbara Peconick, do hotel Agata Cristy, especializado em felinos.

Gláucia Rodrigues/Encontro
Instalações do Agata Cristy, que recebe felinos: hospedagens destinadas a gatos são mais difíceis de serem encontradas em BH e região (foto: Gláucia Rodrigues/Encontro)
Para não cometer erros na hora de hospedar o seu pet, algumas medidas preventivas devem ser adotadas. A primeira delas é não confiar apenas nas informações divulgadas nos sites e nas redes sociais. Ter indicação de pessoas confiáveis é um bom começo, mas não dispensa a visita antecipada ao local. Confira algumas dicas para não errar na escolha da hospedagem de seu amiguinho.


Últimas notícias

Comentários