Uma noite em Ibiza

por Helvécio Carlos 20/05/2013 12:55

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Eugênio Gurgel
Paulinha entre o pai adotivo, Nelson Alvarenga, e a mãe, Roberta Corrêa (foto: Eugênio Gurgel)
Paulinha Correa não conhece Ibiza. Ainda é muito nova para se jogar nas pistas mais famosas do mundo. Mas se por enquanto ela não pode ir até lá, Ibiza literalmente veio até a garota, que comemorou seus 15 anos sexta-feira, no Mix Garden. A casa foi praticamente reconstruída e transformada em uma grande pista de dança. Tão sensacional quanto as mais famosas das Ilhas Baleares. O som impecável bombava na pista, mas na área reservada às 40 mesas para jantar não incomodava o bate-papo dos convidados. A galera se jogou ao som dos DJs Carlo Dee e Vinícius Amaral e também no show de Alexandre Peixe. A sensação da decoração foi a estrutura com 140 globos espelhados suspensos e cerca de 150 placas de LEDs nas laterais, que se moviam para baixo e para o alto. No fundo do palco, um telão de 12 metros de comprimento por cinco de altura exibia imagens as mais variadas, inclusive da própria festa, captadas por uma câmera móvel suspensa em um trilho. Tudo obra de Olguinha Ullmann, da RD Design. Além de ser craque na decoração, ela conhece bem Ibiza, onde já morou. E o mais sensacional: um sistema de luz, o Orion, parecido com uma nave extraterrestre. Para quem passou dos 40, é o mesmo sistema usado na abertura da pista da extinta Olimpia, casa de shows que funcionou em um anexo do Edifício JK.

Dois pra lá, dois pra cá

Se Ibiza serviu como tema da festa, nada melhor que recorrer ao repertório de um dos DJs do momento, David Guetta, para a música que antecedeu a valsa da aniversariante. Paulinha entrou ao som de Without you, executada pela orquestra do maestro Alex Santoro. Depois seguiu a tradição, dançando a valsa com o pai adotivo, Nelson Alvarenga, o pai biológico, Paulo Roberto Brandão, o avô Gilberto Corrêa Dias, irmãos, tios, primos e amigos.

***

Paulinha usou três vestidos. Para receber, um modelo confeccionado por Deise Resende; o da valsa, bem rodado, foi criado por Glorinha Resende; e o usado para depois da valsa era da grife Carlos Miele. Cantídio assinou o menu do jantar.

***

Orquídeas e tulipas, em vermelho e roxo, as cores predominantes na festa, foram usadas na decoração do Mix Garden, que ganhou uma cobertura nas paredes, piso e teto, transformando-o em uma enorme caixa preta. A festa só terminou às sete da manhã com Paulinha no palco se divertindo com os amigos. Tal e qual em Ibiza, a noite será sempre lembrada por ela e seus convidados. Com um detalhe: a Ibiza de Paulinha certamente será mencionada como uma das melhores festas de 15 anos do ano.

Últimas notícias

Comentários