Publicidade

Estado de Minas SUPERAçãO

Jovem paralítica faz fotos sensuais contra preconceito

Após ficar paralisada do peito até os pés, Rachelle Chapman cansou de ouvir as pessoas questionarem sobre sua capacidade de ter relação sexual, após o acidente, e decidiu 'tirar a roupa' para mostrar que é sexy


postado em 30/07/2015 13:44

Quando tinha apenas 24 anos, Rachelle Freidman Chapman sofreu um grave acidente de carro quando voltava de sua festa de despedida de solteira em 2010. A batida resultou numa grave lesão que a deixou paralizada do peito até o pé. Apesar disso, a jovem não se deixou abater pelo problema, e virou uma conferencista e escritora, atuando como uma verdadeira "ativista" contra a discriminação de pessoas paralíticas, especialmente em relação à sexualidade.

Para combater a ideia de que pessoas com paralisia abaixo da cintura não podem fazer sexo, Rachelle decidiu realizar uma sessão de fotos vestindo apenas lingerie.

"Muitas pessoas acharam difícil me ver numa cadeira de rodas, então, aqui estou, sem o equipamento. Mas, continuo sendo a mesma. Espero que isso faça as pessoas refletirem. Paralíticos continuam tendo sexualidade e, honestamente, estou cansada de ser 'algo' que não tem voz na sociedade", desabafa a conferencista ao portal de notícias americano Huffington Post.

A jovem diz ainda que quando sua história veio à tona, e saiu em diversos jornais e sites nos Estados Unidos, muitos ficaram impressionados em saber que o noivo continuou com ela, mesmo que a jovem se encontrasse nessa "situação". "Claro que afetou minha auto-estima, mas fiquei ainda mais triste em saber que existem cadeirantes que vivem em busca de amor. Nós somos espertos, corajosos, engraçados, bonitos e, sim, sexy", completa Rachlelle Chapman.

Confira abaixo outras fotos da americana que tem paralisia:

(foto: Rachelle Friedman Chapman/Revolution Studios/Reprodução)
(foto: Rachelle Friedman Chapman/Revolution Studios/Reprodução)


(foto: Rachelle Friedman Chapman/Revolution Studios/Reprodução)
(foto: Rachelle Friedman Chapman/Revolution Studios/Reprodução)


(foto: Rachelle Friedman Chapman/Revolution Studios/Reprodução)
(foto: Rachelle Friedman Chapman/Revolution Studios/Reprodução)

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade