Publicidade

Estado de Minas TECNOLOGIA

Limite de uso da banda larga não será proibido pela Anatel

Presidente da agência diz que não irá intervir nas estratégias das empresas


postado em 03/06/2016 10:29

Quando as empresas de telecomunicação anunciaram que passariam a regular o uso da banda larga fixa, os usuários logo se mostraram indignados e iniciaram campanhas contrárias, em todo o Brasil, ganhando apoio até de renomados youtubers. Porém, o assunto esfriou quando a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) emitiu uma resolução, em abril deste ano, proibindo as empresas de colocarem em prática a regra de franquia. Agora, para surpresa dos consumidores, a Anatel acaba de informar que não vai interferir nos assuntos referentes a negócios privados das operadoras, o que inclui a imposição de limites para uso de dados.

Segundo notícia divulgada pelo jornal Valor Econômico na segunda, dia 1º de junho, o presidente da agência, João Rezende, disse que as empresas terão liberdade para adotar ou não a franquia de consumo de dados de banda larga fixa. Segundo ele, a legislação vigente no país não possui nenhum artigo que impeça a limitação de uso. "Desde que haja transparência, nada impede a cobrança da franquia, e essa decisão é uma escolha que só cabe às operadoras", comenta o executivo, em entrevista ao jornal.

O presidente da Anatel lembra ainda que, apesar de poderem restringir o acesso, será preciso criar ferramentas para que o usuário possa acompanhar, de forma mais clara possível, o consumo de dados de sua banda larga fixa.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade