Vitamina C pode proteger o corpo contra o enfisema pulmonar

A ação antioxidante da vitamina seria a responsável pela proteção

por João Paulo Martins 12/07/2016 12:40

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
Como mostra o estudo inédito da USP, a ação antioxidante da vitamina C ajuda a evitar os danos causados pelo cigarro aos pulmões (foto: Pixabay)
Cientistas americanos e indianos descobriram que a vitamina C pode proporcionar proteção contra o dano causado pelo enfisema nos pulmões. Essa doença pulmonar obstrutiva crônica, que afeta diretamente os alvéolos (pequenas bolsas de ar), é provocada principalmente pelo tabagismo. O cigarro seria responsável pelo dano às proteínas das células pulmonares.

O estudo realizado pela Universidade de Calcutá, da Índia, e pela Clínica Cleveland, dos EUA, foi publicado no dia 6 de julho na revista científica Proceedings, da Academia Nacional de Ciência dos Estados Unidos. Os pesquisadores analisaram o comportamento do tabaco em cobaias e em células pulmonares humanas cultivadas em laboratório.

Ao interagir com a capacidade antioxidante da vitamina C, o tabaco perderia sua ação oxidativa das proteínas do pulmão. Com isso, é evitado o bloqueio da entrada de ar no órgão responsável pela respiração.

O enfisema gerado pelo cigarro leva à insuficiência respiratória, ao impedir os alvéolos de carregar oxigênio para as células. As vítimas da doença costumam apresentar dificuldade para respirar e para recuperar o fôlego, além de tosse crônica.

Normalmente, o enfisema pulmonar é tratado com o uso de inalador, balão de oxigênio, remédios e, em último caso, com procedimento cirúrgico para aliviar os sintomas e evitar complicações, que podem levar até à morte do paciente.

(com Agência Télam)

Últimas notícias

Comentários