Publicidade

Estado de Minas MISTéRIO

Câmera da Estação Espacial Internacional flagrou um óvni?

Vídeo divulgado no YouTube mostra um suposto objeto sobrevoando a atmosfera da Terra


postado em 06/10/2016 08:48

Câmera de monitoramente da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), controlada pela Agência Espacial Norte-Americana (Nasa), teria capturado imagens de um objeto voador não identificado (óvni) movendo-se acima da atmosfera da Terra. A gravação da transmissão ao vivo foi publicada no YouTube no dia 27 de setembro pela conta Ufo Sightings, especializada em assuntos "extraterrestres".

Muitos internautas consideram que o vídeo seria uma prova real da existência de discos voadores e, consequentemente, de alienígenas. Entre os comentários estão posicionamentos contrários e favoráveis à teoria dos óvnis. "Ó, meu Deus, uma espaçonave alienígena está entrando em nosso planeta! Peguem suas piores câmeras!", ironiza o usuário intitulado R Madalin, no YouTube. "A transmissão ao vivo da ISS não usa câmeras ultra-HD com alta resolução, porque é destinada à exibição pública. Se quer uma gravação real de UFO [óvni], ouse pedir ao Norad [Comando de Defesa Aeroespacial Norte-Americano, na sigla em inglês], meu amigo", diz o internauta Whitehorseusa em resposta ao comentário anterior.

Entusiastas de óvnis afirmam que a Nasa já teria conseguido capturar imagens de objetos extraterrestres, mas estaria se recusando a fornecer gravações completas. Em julho deste ano, "caçadores" de discos voadores já teriam anunciado uma suposta entrada na atmosfera da Terra de um enorme óvni, flagrado por uma transmissão ao vivo da estação espacial. Na ocasião, a agência americana cortou a transmissão, o que provocou ainda mais suspeitas de que pudesse se tratar mesmo de um óvni, embora a Nasa garanta que as cortes se deram devido à perda de sinal com a ISS.

Confira, abaixo, o vídeo polêmico do recente "flagrante" de objeto voador não identificado:



(com Agência Sputnik)

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade