Hoje teremos a mais importante chuva de meteoros do mês

Chamada de Leonídeos, a chuva terá, em seu ápice, até 40 meteoros por hora

por Da redação com assessorias 17/11/2016 12:35

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
Para ver a chuva de meteoros Leonídeos, esta noite, basta olhar em direção à constelação de Leão por volta da 0h (foto: Pixabay)
O mês de novembro está presenteando os apaixonados por astronomia. Depois da Super Lua gigante que brilhou no céu do dia 14, agora é a vez da chuva de meteoros. De acordo com o professor Irapuan Rodrigues, do departamento de Física e Astronomia da Univap, a chuva de meteoros deve ter seu auge nesta quinta, dia 17 de novembro, na direção da constelação de Leão, chegando a pelo menos 40 corpos celestes visíveis por hora.

Alguns meteoros já começaram a aparecer no dia 13 deste mês. "Uma chuva de meteoros ocorre quando, ao orbitar em torno do Sol, a Terra atravessa o rastro de poeira e rochas (os meteoroides) que se desprendem da cauda de algum cometa na sua trajetória pelo sistema solar. Uma estrela cadente, por exemplo, significa que um meteoroide acabou de se chocar com a atmosfera terrestre, entrando em incandescência. Os que conseguem resistir à fricção do ar e chegar até o solo são os chamamos de meteoritos", esclarece o professor.

Essa chuva de meteoros é chamada de Leonídeos, e é considerada a mais importante do mês. "Esse nome indica que o 'radiante' da chuva é na direção da constelação de Leão e é nessa direção que devemos olhar", indica Irapuan Rodrigues. O ápice acontecerá hoje, porém, alguns meteoros poderão ser vistos até o dia 20 deste mês. O astrônomo aponta que essa é uma das melhores chuvas de meteoros para observação, e a partir da meia-noite do dia de maior incidência será possível até registrar imagens com uma câmera fotográfica. Não são necessários equipamentos especiais para observação, basta olhar para o céu na direção certa.

Últimas notícias

Comentários