Prefeito entrega chave da cidade a Deus, na Bahia

Jairo Silveira Magalhães (PSB) tomou posse na prefeitura de Guanambi e já está causando polêmica

por João Paulo Martins 03/01/2017 14:16

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Diário Oficial de Guanambi/Reprodução e Facebook/jairomagalhaes40/Reprodução
O prefeito da cidade baiana de Guanambi, Jairo Magalhães (PSB), emitiu um decreto entregando as chaves do município para Deus (foto: Diário Oficial de Guanambi/Reprodução e Facebook/jairomagalhaes40/Reprodução)
Enquanto alguns prefeitos recém empossados estão atraindo a atenção da mídia devido às duras medidas de redução de despesas das prefeituras, um deles virou notícia na internet ao conceder a chave de sua cidade para Deus. Parece até mentira, mas o prefeito Jairo Silveira Magalhães (PSB), de Guanambi, no centro-sul da Bahia, emitiu um decreto municipal para oficializar a entrega da chave da cidade para Deus.

"Declaro que esta cidade pertence a Deus e que todos os setores da prefeitura municipal estarão sobre a cobertura do Altíssimo", diz o decreto publicado no Diário Oficial de Guanambi na segunda, dia 2 de janeiro.

Esse foi um dos 10 decretos emitidos pelo novo prefeito da cidade baiana (os demais eram relacionados à posse dos secretários), que tem pouco mais de 84 mil eleitores e fica a 798 km de distância de Salvador. Jairo Magalhães foi eleito com 50,85% dos votos válidos e, durante a campanha, ganhou o apadrinhamento do ex-ministro Jaques Wagner.

Depois da repercussão ruim causada pela medida, o político emitiu um comunicado à imprensa, justificando a atitude inusitada. "A publicação não teve a intenção de ferir a laicidade, inspirada que foi no preâmbulo do texto constitucional, que invoca o nome de Deus, pois, Ele, nas suas mais diversas interpretações, está presente nas variadas religiões. A real intenção da publicação, diante do ambiente de intolerância e assustadora violência que atormenta a as famílias e a sociedade, foi de apelar a todas as crenças, suplicando a mesma proteção de Deus, que é rogado na nossa Constituição. O prefeito Jairo Magalhães, como é sabido, professa a sua fé de forma madura, responsável, e sempre se portou e relacionou com todos os credos de forma respeitosa, harmoniosa e agregadora, como homem público. [...] Na oportunidade, se algum cidadão ou religião se sentiram ofendidos pela mensagem, o prefeito, de forma humilde e sincera, pede as mais sinceras escusas, reafirmando a sua obrigação de governar para todos, primando pelo diálogo inter-religioso, sem distinção de qualquer natureza", diz o texto oficial encaminhado pela assessoria de imprensa da prefeitura de Guanambi.

Últimas notícias

Comentários