Publicidade

Estado de Minas FUTEBOL

Neymar teria comprado anel de noivado para Bruna Marquezine

A informação do noivado do craque com a atriz da Globo foi dada por um colunista de TV


postado em 02/02/2017 13:04

Segundo informações publicadas na coluna de televisão do portal Uol, assinada pelo jornalista Ricardo Feltrin, nesta quinta, dia 2 de fevereiro, o atacante do Barcelona Neymar já teria comprado um anel de noivado para pedir a atriz Bruna Marquezine, da Rede Globo, em casamento. Uma fonte próxima ao casal teria repassado a notícia ao colunista, sob a condição de manter seu nome em sigilo.

De acordo com Ricardo Feltrin, Neymar comrpou o anel em janeiro, na cidade de Madri, na Espanha. A fonte, que é um amigo do jogador da Seleção Brasileira, revela ainda que o pedido de casamento deve ser feito no domingo, dia 5 de fevereiro, data em que o ex-atleta do Santos completa 25 anos.

O noivado também seria uma forma de deixar a família de Bruna Marquezine mais tranquila, já que, nas redes sociais, Neymar passa a ideia de que a atriz é sua "mulher". Além disso, a jovem de 21 anos, que está passando férias na casa do craque em Barcelona, estaria preparando uma festa surpresa para ele.

Vale lembrar que esta será a segunda vez que o companheiro de Messi e Suárez no ataque do Barcelona pode ficar noivo da Marquezine. Quando estavam juntos em 2014, Neymar pretendia surpreender a atriz com o pedido de casamento, mas o momento alegre foi adiado pela péssima campanha do Brasil na Copa do Mundo. Mesmo porque, após o evento esportivo, os dois se separaram. Na época, havia um boato de que a família de Bruna Marquezine não concordava com o namoro, pois ela tinha "apenas" 19 anos e o jogador passava a imagem de ser muito "mulherengo" e "festeiro".

Mas, agora, depois que voltaram a namorar e com Neymar mais "caseiro", a família da atriz da minissérie Nada Será Como Antes, da Globo, já estaria aceitando a relação dos dois "numa boa".

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade