Tire algumas dúvidas sobre a obesidade em cães e gatos

Normalmente, a culpa pelo sobrepeso do pet está no próprio dono

por Da redação com assessorias 28/04/2017 08:55

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
Como mostra o especialista, é preciso ter cuidado ao dar comida para os pets, para não exagerar. O cão, por exemplo, pode comer mais do que precisa, o que causa sobrepeso (foto: Pixabay)
A obesidade em cães e gatos está intimamente relacionada aos hábitos alimentares e ao sedentarismo dos donos. Por isso, é preciso ter cuidado ao exagerar na nutrição dos pets. O sobrepeso e a obesidade, de acordo com o especialista em comportamento animal Renato Zanetti, causam sérios problemas de saúde nos pets, como diabetes, doenças pulmonares e do coração, problemas nas articulações e na pele, disfunção reprodutiva, intolerância ao exercício, além de maior risco em anestesias.

Assim como nos humanos, a obesidade está relacionada ao alto consumo de alimentos e à baixa atividade física. Também existe a possibilidade do problema estar ligado ao sistema endócrino.

Para ajudar quem quer evitar o sobrepeso do pet, o especialista esclarece alguns mitos e verdades em relação à obesidade animal:

A castração faz o cão ou o gato engordar
Verdade. Animais castrados têm o dobro de chance de se tornarem obesos em função de alterações hormonais e da redução da atividade física. Porém, isso não deve ser motivo para não castrar, pois é possível minimizar o problema com o aumento das atividades físicas e o controle da alimentação.

A obesidade está relacionada apenas ao excesso de comida
Mito. Há duas causas da obesidade: metabólica [menor incidência, cerca de 5%] e comportamental [mais frequente]. O problema no metabolismo ocorre devido à disfunção da glândula tireoide, das adrenais, do pâncreas, da hipófise ou do hipotálamo. Já em relação ao comportamento, a culpa é do dono, que exagera na alimentação do animal, fornece produtos inadequados ou favorece o sedentarismo.

Cães costumam comer mais do que precisa
Verdade. A fome, ou seja, a necessidade fisiológica decorrente do déficit nutricional, é diferente do apetite, que é a disposição para comer. Cães conseguem ingerir uma quantidade de alimento, em uma única refeição, muito acima do que precisam para se manterem. Como não "sabem" quando será a próxima refeição, estão sempre "dispostos" a ingerir alimentos.

Existe peso ideal para cada raça de cão e gato
Verdade. Mesmo havendo uma variação de indivíduo para indivíduo, há um padrão de peso para cada raça, que pode ser usado como referência para se saber se o pet está obeso.

Nem todo alimento é benéfico para os pets
Verdade. Alguns alimentos são tóxicos para cães e gatos e outros são proibidos, podendo ser letais se ingerido em grandes quantidades.

Frutas e legumes são benéficos para cães e gatos
Verdade. Sim, frutas e legumes, desde que não sejam proibidos para os pets, podem ser oferecidos aos bichinhos.

Últimas notícias

Comentários