Publicidade

Estado de Minas CIDADES

Parque do bairro Aarão Reis é um convite ao relaxamento

O parque Nossa Senhora da Piedade possibilita também a prática de esportes e de exercícios físicos


postado em 25/05/2017 12:57

Uma área verde localizada no bairro Aarão Reis, região norte de Belo Horizonte, insere esporte, saúde e natureza à rotina da população da capital mineira. Este é o parque Nossa Senhora da Piedade, que ocupa uma área de 56 mil m².

Quem frequenta o parque encontra à disposição espaços para recreação infantil, exercícios físicos, quadras esportivas, pistas de skate, cooper e trilhas. Quem vislumbra as belezas dessa área verde não imagina que o local já foi um brejo, no passado. Antes da implementação do parque, as nascentes do córrego que deu nome ao espaço, juntamente com os terrenos que o rodeavam eram utilizados como depósitos de lixo.

O parque Nossa Senhora da Piedade funciona todos os dias das 8h às 18h. Porém, às 6h ele abre exclusivamente para os caminhantes utilizarem a pista de cooper. Logo de manhã, pessoas de todas as idades começam a tomar conta do espaço verde, com o intuito de usufruírem da série de equipamentos gratuitos que fazem parte da academia ao ar livre. O parque ainda disponibiliza gratuitamente redes esportivas, para os fãs de peteca e vôlei.

Diversas espécies de árvores aproveitam essa importante área verde do bairro Aarão Reis(foto: Pablo Pacheco/PBH/Divulgação)
Diversas espécies de árvores aproveitam essa importante área verde do bairro Aarão Reis (foto: Pablo Pacheco/PBH/Divulgação)

Fauna e flora

A criação do parque Nossa Senhora da Piedade no bairro Aarão Reis teve reflexo em espécies da fauna que habitam a região norte da capital. Todas as manhãs, garças e mergulhões se deslocam da Lagoa da Pampulha para o lago existente na área de conservação. Além dessas aves, o parque registra ainda a presença de outras espécies, como beija-flor, bem-te-vi, bico de lacre, rolinha, sabiá e alguns tucanos.

Um extenso número de plantas e flores decorativas e árvores frutíferas também enriquecem a flora da área verde, que tem aproximadamente 100 pés de mangas, mais de 20 jabuticabeiras, goiabeiras e moitas de banana, 15 pitangueiras, além de pés de jambo vermelho, abiu, gabiroba, jatobá e graviola. Além disso, o parque cultiva plantas medicinais, que ficam disponíveis para uso dos moradores.
Quem gosta de fazer atividade física ainda pode aproveitar a academia ao ar livre instalada dentro do parque(foto: Pablo Pacheco/PBH/Divulgação)
Quem gosta de fazer atividade física ainda pode aproveitar a academia ao ar livre instalada dentro do parque (foto: Pablo Pacheco/PBH/Divulgação)

(com Ascom da PBH)

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade